Blog Diferente Para Ser Diferente

Seja Uma Pessoa Melhor, Diferente Você já é ! - Junte-se ao Grupo de Amigos do Seja Hoje Diferente - Bem Vindo (a).

A decoração minimalista está ganhando cada vez mais espaço, sendo uma tendência muito promissora na decoração. Isso significa que você usá-la tranquilamente, uma vez que estará em alta nos próximos anos ou talvez décadas. 

Esse estilo deixa de lado os excessos para que você viva em um ambiente limpo e ao mesmo tempo moderno, o que garante mais elegância.

O objetivo principal ao descartar os excessos é garantir ambientes claros e funcionais e, para isso, são usados elementos como madeira e peças metálicas, que ornam perfeitamente com o branco e tons claros em geral.

De qualquer forma, é preciso atenção para não exagerar na composição da decoração. Pensando nessas características, podemos até mesmo enxergar as vantagens desse conceito.

Trata-se de uma maneira de fazer mais com o mínimo e de seguir a premissa de que “menos é mais”. Portanto, você vai viver em um ambiente bonito, organizado e fácil de limpar, gastando pouco.

São muitas vantagens, não é mesmo? Se você ficou interessado, neste artigo, vamos explicar o que é a decoração minimalista, como surgiu, suas características e como adotá-la em seu lar.

Se você tem dúvidas, leia este texto até o final e aprenda como decorar dentro dos parâmetros desse estilo!

O que é a decoração minimalista?

O minimalismo surgiu na década de 1960 como um movimento cultural, artístico e científico, que tinha como base usar somente os elementos naturais para se expressar. Só que ele se expandiu e chegou aos lares, trazendo um novo conceito em arquitetura e decoração.

Em outras palavras, dentro de casa ou na hora de fazer um projeto de jardinagem e paisagismo, é preciso excluir os excessos e usar apenas o essencial.

É dessa forma que conseguimos aliar a estética à funcionalidade, com cômodos mais “vazios”, que proporcionam mais conforto e bem-estar.

Pode-se dizer que a ideia é justamente valorizar a qualidade de cada ambiente e não a quantidade de coisas que o compõem.

Quanto às cores, estas são sempre mais neutras, como o branco, o cinza e o preto, assim como os objetos de decoração assumem formas geométricas mais simples.

Os móveis são multifuncionais, ou seja, podem ser usados para mais de uma necessidade, formando uma decoração onde tudo faz parte de tudo.

Outro conceito importante desse estilo é a organização. Os objetos têm um local certo para estarem, sem que sejam utilizados em excesso, para garantir uma decoração sóbria e equilibrada.

Um dos métodos mais usados para organizar os cômodos de acordo com o minimalismo é o que chamamos de declutter.

Trata-se de uma maneira de descartar tudo o que não é necessário, mantendo em sua casa apenas o que é útil e te faz feliz.

A decoração minimalista pode fazer parte da sua casa e também da sua empresa, sendo aplicada em escritórios, sala de reunião e outros espaços.

Agora que você já sabe o que é, como surgiu e quais são as suas características, no próximo tópico, vamos dar algumas dicas para você implementá-la.

Como adotar a decoração minimalista

Quem gosta de casa arrumada e não tem tempo para ficar organizando e limpando a todo momento, encontra na decoração minimalista o que precisa para um dia a dia mais prático.

É uma maneira de deixar o seu lar mais bonito, moderno e confortável. Mas, para chegar lá, você precisa seguir alguns passos. São eles:

1 - Fugir de excessos

O primeiro passo é seguir a base da decoração minimalista de que menos é mais. Por isso, é preciso que o espaço tenha pouca informação para que se enquadre nessa tendência.

Mantenha em cada ambiente apenas aquilo que é essencial e os objetos que te proporcionam bem-estar. Tudo o que fugir dessas condições deve ser descartado, seja por meio de doação, vendas ou jogando fora.

O que estiver em boas condições pode ser doado ou vendido, agora, se não tem conserto, descarte de maneira consciente, mandando para a reciclagem, por exemplo.

Pelo fato de no minimalismo se fazer o uso de espelho decorativo sala de jantar, por exemplo, o excesso de objetos será refletido, então, descarte aqueles que não têm função prática em nenhum ambiente.

2 - Usar espelhos

Já que mencionamos eles, é importante dizer que os espelhos são muito bem-vindos na decoração minimalista, visto que eles causam a sensação de espaços mais amplos.

Uma boa dica é usar os maiores, como aqueles que vão do chão ao teto, sendo que estes espelhos são ainda mais recomendáveis para ambientes pequenos.

Você pode usá-los encostados à parede, pendurados em cima da mesa de jantar ou acima da cômoda do quarto. Também ficam bonitos nos corredores e, claro, no banheiro.

Apenas tome cuidado com a posição. Por exemplo, nunca use um espelho que reflita a porta do banheiro.

3 - Iluminação natural vs. iluminação artificial

A iluminação natural é muito importante nesse tipo de decoração, uma vez que ela proporciona o clima de limpeza que esse estilo preza.

Para valorizar as janelas da sua casa, utilize moveis planejados quarto casal, na sala e outros cômodos, porque eles são feitos de modo a valorizar as entradas de luz.

Caso ainda esteja construindo, aposte em janelas grandes, vidros e outros tipos que permitam ao máximo a entrada da luz do sol no seu lar.

No entanto, também é preciso pensar na iluminação artificial. Neste caso, uma dica é usar luminárias focais ou pendente de luz para iluminar pontos estratégicos como mesas, bancada de cozinha e outros móveis. 

É uma maneira de destacar a sua mobília e trazer mais conforto para o lar.

4 - Uso de linhas retas

O objetivo da decoração minimalista é criar ambientes com o mínimo de informação possível. Dessa forma, uma dica é apostar em móveis e objetos decorativos que tenham design em linha reta.

São formas que harmonizam perfeitamente entre si, ao contrário das mais curvilíneas e de formatos variados. Além da harmonia perfeita, você também garante cômodos mais modernos e apropriados para o seu dia a dia.

Por exemplo, se for investir em uma sala de tv planejada, use móveis como mesas, estantes e objetos decorativos sem muitos detalhes.

5 - Apostar em cores claras

Ambientes espaçosos e bem iluminados são a cara da decoração minimalista, e para garantir isso, nada melhor do que investir em cores claras.

Isso é ainda mais importante na hora de pintar as paredes. O ideal é que todas elas tenham a mesma cor, mas se você achar que o cômodo ficou um pouco entediante, pode pintar uma parede de um tom diferente, mas sempre mantendo a sobriedade.

As cores também fazem parte da mobília e dos objetos decorativos, então, nada de usar itens muito coloridos. Para ficar mais fácil, as tonalidades mais usadas são:

  • Branco;

  • Preto;

  • Cinza;

  • Tons neutros em geral.

Seguindo essa premissa das cores, você consegue chegar à decoração minimalista de maneira fiel e sem erros.

6 - Usar tecidos suaves

Para combinar com aquele piso vinílico instalado e seguir à risca o minimalismo, é importante pensar nos tecidos que farão parte da sua decoração.

Os suaves devem prevalecer, além de serem de boa qualidade, para garantir conforto e aconchego em cada cômodo.

Isso porque essa decoração é mais vazia, então, se o seu sofá tem uma textura agradável, por exemplo, o espaço se torna mais aconchegante. O mesmo é válido para cortinas, tapetes, cobertores, entre outros.

7 - Escolher adequadamente o material

Os materiais que vão compor a sua mobília e também o revestimento dos espaços devem ser pensados com cuidado.

No minimalismo, os que mais combinam são madeira com acabamento em lasca, vidro e metal. Para o revestimento, boas opções são resina e cimento, além do gesso, materiais que se destacam bem.

8 - Manter a limpeza em dia

De nada adianta você decorar com o que há de melhor se não manter a limpeza e a organização em dia.

Esse tipo de decoração preza por essas duas características que são fundamentais para nossa qualidade de vida e conforto.

Procure deixar cada espaço sempre limpo e organizado, para valorizar o estilo que você escolheu. Afinal, trata-se de uma opção rápida e simples, que vai tornar a limpeza e a organização do lar muito mais rápidas.

Conclusão

O estilo minimalista está em muitos lugares, tanto na casa das pessoas quanto nas empresas, em uma mesa de reunião para escritório, por exemplo.

Como você viu, adotá-la não é difícil. Pelo contrário, pode ser fácil se você seguir as dicas que foram abordadas no decorrer deste artigo. Com elas, sua casa vai se modernizar e seguir uma das principais tendências de decoração.

Se tiver dúvidas, pode contar com a ajuda de profissionais experientes no assunto, como os decoradores e designers de interiores. De qualquer forma, se você optou pela decoração minimalista, certamente fez a escolha certa.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.
Postagem Anterior Próxima Postagem

Veja abaixo mais um artigo do Seja Hoje Diferente!