Blog Diferente Para Ser Diferente

Seja Uma Pessoa Melhor, Diferente Você já é ! - Junte-se ao Grupo de Amigos do Seja Hoje Diferente - Bem Vindo (a).

Conforto e praticidade são a chave para escolher os itens perfeitos

A categoria de trabalho home office vinha crescendo no Brasil e, com a chegada da crise sanitária, a maioria das pessoas foi obrigada a aderir ao modelo. Longe de ter um setup perfeito para trabalhar, muita gente foi construindo seu espaço de trabalho em casa de acordo com as necessidades.

Para quem não teve a sorte de receber equipamentos adequados das empresas, o jeito foi adequar o orçamento e investir em produtos que tornassem o ambiente de trabalho mais confortável e prático. Se você ainda está nessa fase, confira a seguir sete produtos que valem o investimento para seguir no home office confortavelmente.


1.  Mesas e escrivaninhas

Essenciais nos escritórios e em casa, mesas e cadeiras são os principais itens que oferecem conforto e segurança na hora de trabalhar. Quem se viu trabalhando na mesa da cozinha ou apoiando o notebook no colo, sentiu a mudança nas costas.

Para quem decidiu montar um escritório em um quarto de casa, investir em uma mesa mais sólida e com bastante espaço é o melhor custo-benefício. Se o jeito é improvisar um cantinho na sala, mesas retráteis ou modulares são uma escolha melhor.

A dica é otimizar os espaços já existentes, podendo ter conforto para trabalhar com notebook, mouse e a papelada na mesa. É importante que  seus objetos de trabalho possam estar perto de você.


2.  Cadeiras e poltronas

Acompanhando o tópico ergonômico, as cadeiras e poltronas são um dos itens que mais valem um investimento maior. Além de deixar o ambiente de trabalho muito mais confortável, elas previnem que você desenvolva ou piore problemas de coluna, postura e dores musculares.

O ideal é escolher um tamanho adequado para o seu espaço, considerando a altura da mesa, o tempo que você passa sentado ao longo do dia e, claro, a função. Aqueles que trabalham digitando devem escolher cadeiras com apoio lateral para os braços.

3.  Informática

É o ponto que mais pesa no bolso, e também onde o investimento é mais necessário. Obviamente cada profissão requer um tipo de equipamento, mas um bom computador é essencial para o desenvolvimento das atividades.

Para profissionais de desenvolvimento ou design, o investimento vai além: mais de um monitor, telas de excelente qualidade, teclados retroiluminados, mouse sem fio, fones de ouvido e suporte ergonômico para o notebook.

Pode parecer exagero, mas quanto mais adequado for o seu setup, melhor será o seu rendimento no trabalho. Comece pelo essencial e, aos poucos, vá adicionando acessórios.

4.  Climatização

Quem estava acostumado ao ar condicionado do escritório, pode ter sofrido trabalhando de casa no escaldante verão brasileiro. Dependendo do canto da casa onde seu ambiente de trabalho foi montado, pode ser necessário um ventilador ou até mesmo a instalação de uma janela. O calor excessivo pode prejudicar o seu rendimento.

5.  Iluminação

Outro item que deixou bastante a desejar longe dos escritórios é a iluminação. Não apenas para aparecer nas chamadas de vídeo, mas para manter o conforto visual durante o expediente.

Lâmpadas claras são ótimas para tornar o seu ambiente mais iluminado e, consequentemente, mais confortável.

6.  Decoração

            Por último, mas não menos necessário, que tal deixar seu ambiente mais

agradável? Afinal, mesmo estando em casa, as pessoas estão passando boa parte do dia sentadas diante do computador.

Quadros, plantas e acessórios funcionais podem deixar seu dia mais agradável, além de facilitar suas atividades. Tapetes de mesa evitam que teclado ou notebook deslizem e podem ser encontrados em diferentes modelos.

O investimento acaba sendo duplo, pois, deixando o seu setup personalizado, você muda o visual da casa de um jeito sutil.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Veja abaixo mais um artigo do Seja Hoje Diferente!