Blog Diferente Para Ser Diferente
Seja Uma Pessoa Melhor, Diferente Você já é ! - Junte-se ao Grupo de Amigos do Seja Hoje Diferente - Bem Vindo (a).

A escova progressiva é um método de alisamento dos cabelos, que reduz o volume e o frizz. Quando feito sem formaldeído, vários efeitos colaterais não ocorrem, como queimaduras, descamação do couro cabeludo, queda de cabelo, queimação nos olhos, falta de ar, tosse, dor de cabeça, tontura, vômito, desmaios, entre outros.


O nome "progressivo" é dado, pois a cada vez que esse procedimento é realizado, os cabelos apresentam melhores resultados nesses aspectos.


Inicialmente, a escova progressiva continha formaldeído em sua composição, mas conforme a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determinou que os produtos utilizados nesses procedimentos podem ter no máximo 0,2% deste elemento químico em sua concentração, devido ao riscos à saúde, hoje há opções com outros produtos em seu lugar. Na quantidade liberada pela Anvisa, atua como conservante, mas não tem efeito endireitador.

Benefícios da escova progressiva sem formol

O método é indicado como forma de alisamento, além de tirar o frizz e o volume dos cabelos. No caso de mulheres que têm cabelos longos e volumosos, mas contra-indicado para mulheres com cabelos afro, pois esses fios tendem a ser mais porosos, portanto podem ser danificados pelo método.


Brilho: as cutículas dos cabelos ficam seladas e refletem a luz com mais intensidade, dando vida a qualquer tom e eliminando o estado "seco".

Maciez: o cabelo melhora e você sente ao tocar, a maciez é o resultado da restauração causada pela queratina presa na fibra capilar.

Anti-frizz: 0% cabelos rebeldes em qualquer clima; umidade, calor, frio, chuva.

Volume: Ao atuar sobre a fibra capilar e alisá-la, o volume diminui. Em cada caso, é perceptível e diferente. Em todos os casos, diminui 90%.

Fortalecimento: em muitos casos fazemos o alisamento apenas para melhorar a espessura do cabelo e permitir que cresça sem cortar. É também um remédio contra os cabelos "muito descoloridos" e danificados por produtos químicos agressivos.

Como fazer uma escova progressiva sem formol

O primeiro passo para fazer a escova progressiva sem formaldeído no salão é lavar o cabelo com um shampoo de limpeza profunda. Após a aplicação do produto pelo cabeleireiro, os cabelos são secos e o profissional então modela os fios com a prancha, deixando-os lisos. A maioria das escovas progressivas é feita com carbocisteína, um aminoácido que abre as estruturas do fio, permitindo que o alisamento seja feito posteriormente para que ocorra um enxágue e aplique um creme de tratamento para finalizar a ação da prancha. Porém, para que o cabelo fique liso, é necessário depois que os fios estejam novamente fechados. 


O tioglicolato de amônia é um ativo químico obtido pela reação entre o ácido tioglicólico e o hidróxido de amônio, que remodela a forma dos fios, sendo indicado para o alisamento. No córtex capilar, destrói as ligações de cistina (aminoácidos que representam 36% da fibra capilar) e é responsável pela resistência dos fios. Como o pH do tioglicolato é de 9 a 9,5, ele faz com que a fibra capilar se expanda e as cutículas se abram, o que facilita a entrada do alisador, que quebra as pontes de cistina e molda os fios. 

Como reconhecer a escova progressiva sem formol?

Muitos produtos de escova progressiva são considerados livres de formaldeído, mas ainda podem ter a substância em sua formulação. É fácil perceber isso quando o produto “solta fumaça”, pois o formaldeído tem um odor característico. Mas para não ser pego de surpresa na hora, o ideal é perguntar para verificar se a embalagem está escrita contendo formaldeído ou polimorfol.

Sessões

Os efeitos da escova progressiva duram entre três e cinco meses, no cabelo e no número de lavagens, já que o produto tende a sair quanto mais os fios são lavados. Normalmente, a hora de refazer o tratamento é quando a raiz já cresceu e começa a incomodar.


Quem é o profissional indicado para fazer a escova progressiva sem formol?

A escovagem progressiva é um procedimento complexo, com produtos químicos que demandam atenção. Por esse motivo, deve ser feito com um cabeleireiro de confiança e nunca deve ser feito em casa ou em um local que você não confia. De qualquer maneira, sempre pergunte para ver qual produto está sendo usado.

Cuidados após a escova progressiva 

Após a realização da escova progressiva, é melhor evitar o uso de shampoo progressivo, de limpeza profunda ou anti-resíduo, pois reduzem a duração do efeito desse procedimento. Além disso, é altamente recomendável que a hidratação seja feita mais vezes, já que a progressiva resseca muito as pontas dos cabelos e também pode torná-los elásticos, conforme muda a distribuição da queratina ao longo dos fios. Mas nada de hidratação de limpeza profunda, ou ele agirá da mesma forma que o shampoo para esse fim.


Outro cuidado importante é evitar dormir com os cabelos molhados, pois isso altera a estrutura do fio, não importa se você fez escova progressiva ou não!


Pessoas com couro cabeludo sensível e cabelos muito oleosos não devem fazer a escova progressiva, pois causa ainda mais sensibilidade e oleosidade no couro. Além disso, pessoas com cabelo virgem não são totalmente contra-indicadas, mas geralmente não obtêm os melhores resultados ao fazer esta técnica.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Veja abaixo mais um artigo do Seja Hoje Diferente!