Divulgação & Reprodução

Saudações, queridos leitores da Comunicação e Conteúdo do Seja Hoje Diferente! Aqui estou eu, Alessandro Turci, o criador do blog que sempre busca trazer um conteúdo diversificado e de alta qualidade. Hoje, em meio a nossa jornada pelo mundo do entretenimento, reservo um espaço para uma conversa nostálgica que certamente muitos de vocês já compartilharam: a lendária assoprada nos cartuchos de videogame.

Se você viveu os anos 80 e 90 e teve a sorte de ser um entusiasta dos videogames, é quase certo que em algum momento recorreu ao ato de soprar um cartucho de jogo para fazê-lo funcionar. Esses pequenos dispositivos, que foram pioneiros no armazenamento de conteúdo, ainda têm um lugar especial nas coleções de muitos saudosistas. Contudo, nas linhas de produção, eles deram lugar aos CDs, DVDs, HD-DVDs e Blu-rays, que são mais modernos e eficientes.

Agora, será que toda aquela "técnica brasileira" de assoprar os cartuchos realmente resolvia alguma coisa? Será que havia uma maneira mais eficaz e segura de fazer com que essas preciosidades dos jogos voltassem à vida? E, talvez o mais intrigante, será que soprar os cartuchos podia causar algum dano? Vamos explorar essas questões juntos.

A Mágica do Assopro

A resposta direta a essa pergunta é: não, assoprar os cartuchos não era a solução definitiva. No entanto, você pode estar se perguntando: "Mas sempre fiz isso e funcionava!". Bem, antes de mergulharmos nesse mito, precisamos entender sua origem e os fatos por trás dele.

De fato, dar uma assoprada ocasional podia eliminar poeira e sujeira que se acumulavam nos contatos do cartucho do videogame. E é por essa razão que, muitas vezes, esse truque funcionava e ganhou notoriedade entre os jogadores. No entanto, a verdade é que, ao realizar essa ação, você poderia estar causando mais mal do que bem ao seu cartucho.

Ao assoprar, pequenas gotículas de saliva eram expelidas junto com o ar, e essas gotículas podiam aterrissar nos contatos do cartucho. Além disso, o ar quente proveniente de nossa boca podia criar uma leve umidade na superfície do cartucho, resultando, basicamente, em um cartucho úmido. Esse contato com a umidade, juntamente com o aquecimento natural do console durante o uso, poderia levar à corrosão dos pinos do cartucho ao longo do tempo, causando danos irreversíveis, não apenas ao cartucho, mas também ao próprio console.

Alternativas Inteligentes

Então, diante dessas informações, qual é a melhor abordagem? Felizmente, existem métodos mais eficazes e seguros para lidar com a limpeza dos pinos do cartucho. Dois métodos simples podem ser adotados para garantir a longevidade de seus jogos clássicos.

O primeiro método envolve o uso de cotonetes, também conhecidos como bastonetes de algodão. Com cuidado, passe um cotonete nas superfícies dos conectores do cartucho, removendo sujeira e resíduos. Uma variação eficiente é umedecer levemente o cotonete com álcool isopropílico, um produto confiável para a limpeza de equipamentos eletrônicos. Esse álcool é amplamente disponível em lojas especializadas e até mesmo em farmácias.

Importante frisar que, sob nenhuma circunstância, você deve usar água ou álcool caseiro (líquido ou em gel) para essa tarefa. A água pode causar oxidação nos conectores, causando danos imediatos ao cartucho.

Após executar o processo de limpeza, resista à tentação de inserir imediatamente o cartucho no console. Deixe os pinos secarem por alguns minutos. Se, após essa etapa, o jogo ainda não funcionar corretamente, não desanime. Repita o processo quantas vezes forem necessárias. Se o problema persistir, teste seu console com outros jogos para eliminar a possibilidade de o problema estar no próprio aparelho.

Portanto, amigos, embora a técnica do assopro tenha suas raízes na necessidade genuína de limpar os cartuchos, agora sabemos que essa abordagem pode resultar em problemas mais graves a longo prazo. Optar por métodos de limpeza mais sofisticados, como o uso de cotonetes com álcool isopropílico, garantirá que seus preciosos cartuchos continuem funcionando por muitos anos, sem risco de danos. Então, antes de soltar uma rajada de ar em seus cartuchos, lembre-se dessas dicas valiosas e preserve sua coleção de maneira inteligente. Afinal, as memórias desses jogos clássicos merecem todo cuidado e atenção que podemos oferecer.

Qual é a sua opinião sobre este artigo?

Caro leitor, sua opinião é essencial para nós! Compartilhe seus pensamentos nos comentários sobre esta publicação. Garantimos manter o Seja Hoje Diferente sempre atualizado e funcional. Se notar algum link quebrado ou problema com áudio e vídeo, por favor, avise-nos nos comentários. Agradecemos sua colaboração, seu apoio é a bússola que nos orienta na entrega de conteúdo relevante. Obrigado por fazer parte desta comunidade engajada!

Postagem Anterior Próxima Postagem

Shopee