Por Cristiano Montrase*

A construção civil é um dos pilares mais importantes para a economia do Brasil, como mostram os números: em 2021 o PIB (Produto Interno Bruto) teve aumento de 9,7%,  enquanto  o PIB total no país avançou 3,2%. Além disso, segundo a CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção) é um dos setores que mais gera emprego. De março de 2022 até maio desse ano, estima-se que em média 430 mil postos de trabalhos foram gerados na área.

Não é à toa que a CBIC projetou um crescimento de 3% para esse ano, maior que o PIB estimado para o país neste ano. A confiança na projeção dos números se dá pela retomada de construções, obras e reformas particulares que estavam paradas desde a pandemia e foram impulsionadas em 2022. Além disso, ações governamentais, como programas habitacionais que buscam facilitar o financiamento de moradias próprias, são importantes e contribuem para a alta da construção civil.

O crescimento e expansão do setor movimenta toda uma cadeia como os fabricantes de materiais de construção, por exemplo, tijoleiras, empresas de pisos, cimento, revestimento, tintas, acessórios importantes para uma obra, entre outros. Com isso, postos de empregos são criados, lojas desses segmentos ganham mais força, expandem ou até mesmo são abertas por novos empreendedores.

Esse movimento não apenas beneficia as grandes construtoras, mas toda uma área do mercado e negócios. Torcer para a construção civil alavancar e trazer resultados ainda melhores, é também torcer por lojistas, varejistas, pedreiros, engenheiros e outras profissões e demandas que são importantes para essa área.

Por isso, é de se comemorar que o setor esteja em alta há sete trimestres consecutivos, de acordo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). E mais, segue com otimismo para 2023, com a expectativa de uma expansão de 4,5%. Para o próximo ano, espera-se ainda a continuidade em incentivos governamentais com o objetivo de atrair ainda mais o público de baixa renda.

Linhas de crédito para moradias populares também são aguardadas em 2023, o que também irá fomentar o cenário. Apesar das possíveis mudanças no modelo de projetos habitacionais pelo novo governo, economistas e o setor se sentem seguros e confiantes. Mesmo com tanto positivismo, ainda existem desafios que precisarão ser superados, como, por exemplo, o aumento da inflação e alta nas taxas de juros.

Cristiano Montrase

Tendências para 2023

O uso de tecnologia será imprescindível para as construtoras. Aliás, para qualquer empresa e área que projete crescimento para os próximos anos, além dos benefícios que setores tecnológicos trazem para os lucros e demandas dos clientes que estão ligados em inovações.

Outra tendência no setor será o cuidado com o meio-ambiente e iniciativas mais sustentáveis, o que também faz a diferença e coloca a marca à frente de concorrentes. O que também não poderá faltar é o investimento em produtos de qualidade, pois fazem a diferença em qualquer lugar.

Torço pelo crescimento da área, pois sei da importância para o Brasil. Além disso, com a expansão do segmento, o mercado de trabalho ganha fôlego e atrai novas pessoas. Lojas de materiais de construção, decoração e de móveis podem ganhar novas oportunidades, o que também contribui no cenário empregatício.

*Cristiano Montrase é gerente de marketing da Casa do Lojista.

Sobre a Casa do Lojista

Fundada em 1991, a Casa do Lojista é referência no mercado atacadista de materiais de construção. É pioneira no segmento ao iniciar, em 2013, o autosserviço na loja do Pari. Desde 2002 realizam orçamentos on-line para lojistas cadastradas em todo o Brasil, com assistência via e-mail e televendas. Com o objetivo de atender todas as necessidades de clientes e parceiros, possuem uma gama extensa de produtos, preços justos e prezam pelo bom relacionamento de longo prazo com consumidores e fornecedores. Atualmente são cinco lojas espalhadas por São Paulo, localizadas na Marginal Tietê, Pari, Barueri, Campinas, e São José dos Campos. Além de contar com mais de 500 colaboradores e 700 parceiros. Para fomentar o setor, em conjunto com o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), desenvolvem e realizam cursos e treinamentos para capacitar lojistas. 

Site: http://www.casadolojista.com.br

Postagem Anterior Próxima Postagem

Compartilhe nas redes sociais e apoie ou retribua

Todos os nossos artigos são exclusivos é proibida a reprodução total ou parcial dos mesmos sem a indicação da fonte SHD: Sejahojediferente.com