Blog Diferente Para Ser Diferente
Seja Uma Pessoa Melhor, Diferente Você já é ! - Junte-se ao Grupo de Amigos do Seja Hoje Diferente - Bem Vindo (a).


Conheça regras simples para levar o seu negócio ao sucesso

Empreendedores de primeira viagem têm dificuldades para lidar com o dinheiro de seus negócios. A falta de experiência no setor financeiro pode gerar muitos prejuízos a uma empresa, por isso é importante seguir regras básicas para uma boa gestão das finanças. 

Gerenciar as economias de uma empresa com responsabilidade é essencial para que ela possa crescer no mercado. Uma gestão financeira eficiente é fundamental para trazer mais estabilidade a novos negócios. 

Para te ajudar a gerenciar melhor o seu negócio, separamos algumas regras básicas sobre o assunto. Veja abaixo

Manter as informações bem organizadas

Para conseguir administrar bem um negócio, você precisa ser bastante organizado. Tudo o que diz respeito à sua empresa deve estar em ordem. Se você demora muito tempo para encontrar documentos, por exemplo, estará perdendo dinheiro. 

As novas tecnologias permitem que você elimine os papéis do seu negócio. Nada de acumular contas, notas fiscais e outros documentos em pastas físicas. A nossa dica é que você digitalize os seus arquivos e adote um sistema de gestão financeira para facilitar a organização dos dados da sua empresa. 

Administrar o fluxo de caixa

Adotar um sistema de gestão também é fundamental para administrar o fluxo de caixa. É importantíssimo saber como sua empresa está ganhando e gastando dinheiro. 

Por meio de uma boa gestão, você consegue identificar suas maiores fontes de renda, entender como sua empresa gasta o capital, quais são os gastos recorrentes e as variáveis que o seu negócio possui. Administrar bem o fluxo de caixa é fundamental para evitar prejuízos e dar mais estabilidade financeira ao seu negócio. 

Separar o dinheiro pessoal do capital da empresa 

Principalmente, em pequenos negócios, é bastante comum que o dono misture o dinheiro pessoal com o capital da empresa. Juntar as rendas gera uma grande confusão, por isso é importantíssimo separá-las. Isso evita que você pegue dinheiro do negócio para seus gastos pessoais e vice-versa. 

O ideal é que você tenha contas separadas para controlar a sua empresa e a sua vida pessoal. Também é fundamental definir um pró-labore, assim, você pode limitar o seu “salário mensal”, montante que você pode retirar da conta da empresa para gastos pessoais. 

Dividir as verbas de cada setor da sua empresa

Outra regra importante para pequenas e médias empresas é separar as verbas de cada setor. Dividir o ganho com marketing, vendas, atendimentos, compras, entre outros setores é fundamental para que sua empresa cumpra com todos os compromissos. 

A separação das verbas é importante para que cada setor consiga gerenciar as próprias contas. Nesse montante, entram o pagamento de funcionários, os gastos rotineiros e os investimentos. 

Dessa forma, você consegue garantir que cada setor receba valores que condizem com o seu custo operacional. Isso evita que a verba de alguma área seja usada em outra sem nenhuma necessidade real. 

Precificar bem os produtos

Saber precificar corretamente os seus produtos e serviços é fundamental para o crescimento da empresa. Adotando a precificação correta, você conseguirá cobrir todos os custos fixos e variáveis para a operação do seu negócio. Isso também garantirá o percentual de lucro em cada venda. 

Na hora de precificar, é preciso pensar em todos os custos relacionados aos seus produtos e serviços. Cada um deles deve ser precificado separadamente, já que demandam despesas diferentes. Também é importante ficar de olho nos valores aplicados pela concorrência para estipular preços competitivos. 

Precificando corretamente os seus produtos, você não terá dificuldades para arcar com os custos operacionais do seu negócio, podendo planejar novas ideias e ações para aumentar a demanda, garantindo mais vendas. 
Postagem Anterior Próxima Postagem

Veja abaixo mais um artigo do Seja Hoje Diferente!