Especialista revela as melhores técnicas para manter o carro em boas condições depois da viagem para o litoral

Para muitas pessoas, o fim do ano é sinônimo de viagem, e a praia é um dos destinos mais conhecidos dos brasileiros nesse período de calor e comemorações. Para quem viaja com o próprio veículo, é importante considerar os impactos que a região litorânea e todos os seus elementos, como sol e seus raios UVs, maresia e areia, trazem e saber o que pode ser feito para minimizá-las.

Marcelo Xavier, Gerente Operacional da Wash Me - startup especializada em gestão de lavagem ecológica, higienização e estética automotiva - explica que os cuidados começam antes mesmo de descer a serra. “O ideal seria fazer uma lavagem ecológica e aplicar um selante de vitrificação, o que ajudaria a evitar riscos ocasionados pela areia, além de impedir que as seivas de árvores danifiquem a pintura (já que é comum que os carros sejam estacionados embaixo de árvores)”. 

“Realizar uma lavagem técnica de motor e aplicar uma proteção, tanto no motor como no chassi, para impedir que a corrosão provocada pela maresia danifique fios, cabos de bateria, também é importante. Hidratar pneus também devem ser considerado”, completa o especialista. 

Na volta do litoral, outros cuidados devem ser tomados visando a preservação do seu veículo. Confira as dicas.  

  1. Lave o veículo o quanto antes

Idealmente o automóvel deve ser lavado nos primeiros dias após o retorno e, no máximo,  em duas semanas. 

“A maresia provoca estragos a diversos componentes veiculares”, informa Xavier. “Isso porque os sais do mar potencializam a corrosão em todo tipo de metal, diminuindo a vida útil dos equipamentos e até afetando sua funcionalidade, em alguns casos. Portanto, uma lavagem adequada é necessária rapidamente, para evitar que os efeitos se prolonguem”.

  1. Realize uma lavagem com produtos apropriados

“Não é qualquer produto que vai livrar o carro inteiramente dos resíduos do mar e da areia”, afirma o gerente operacional. “E nem é aconselhável usar os mesmos produtos para diferentes partes do veículo. Os profissionais que realizam esse tipo de limpeza devem conhecer as particularidades de cada elemento”.

A maresia, bem como a areia, estarão em todos os lugares possíveis, seja dentro, na lataria ou na parte de baixo do veículo. A areia, inclusive, pode riscar a lataria até mesmo durante o enxágue. Por isso, os cuidados de especialistas são altamente recomendados.

  1. Higienize o motor

Sim, até mesmo o motor deve ser limpo atenciosamente. Isso é especialmente indicado em carros antigos, que estão mais suscetíveis à oxidação.

“É perigoso subestimar o alcance dos danos, principalmente nas áreas mais importantes para o funcionamento correto do automóvel. Assim como as pessoas que moram no litoral precisam lavar seus carros com maior frequência — uma vez por semana é o ideal —, os turistas devem averiguar o status geral ao voltar para casa”, Xavier explica.

  1. Observe os efeitos do sol e considere polimento

Polir o carro não é sempre uma necessidade, mas pode ser uma solução adequada no caso de muito sol. Se não foi possível estacionar o carro sempre na sombra, é essencial verificar se a pintura foi comprometida, ou mesmo o acabamento interno, como o painel ou os bancos.

“O polimento tem como objetivo restaurar a pintura e eliminar pequenos riscos, o que também é positivo caso a areia tenha causado arranhões. Posteriormente, é possível manter o aspecto renovado por mais tempo com um enceramento”, indica o especialista.

  1. Faça um check-up

Para ter certeza que tudo está funcionando apropriadamente, um check-up é determinante. Principalmente nas seguintes áreas:

  • Sistema elétrico (note que fios e conectores podem ser oxidados pela maresia);
  • Filtros de ar e de cabine;
  • Freios e suspensão;
  • Radiador (em especial o nível e coloração da água);
  • Pneus e rodas (no caso de viagens longas);
  • Sistema de alimentação.

“Um bom check-up é sempre recomendado de tempos em tempos, e o retorno da viagem pode ser o momento mais oportuno para realizá-lo”, indica Xavier.

O gerente operacional também ressalta que a prevenção é parte fundamental do planejamento de viagem para a praia. “Por mais que todas essas dicas ajudem a manter o veículo em bom estado, os cuidados durante a viagem são muito importantes, como o uso de combustíveis de boa procedência ou estacionar em locais fechados e com sombra. Com o combo de antes, durante e depois, o carro certamente estará bem cuidado para o dia a dia e para ser companheiro de muitas outras viagens no futuro”, conclui.

Sobre a Wash Me

A Wash Me é uma startup especializada em gestão de lavagem e estética automotiva com foco na Lavagem Ecológica — utilizando uma quantidade muito reduzida de água e produtos biodegradáveis —, e também no atendimento B2B de forma delivery. O serviço é personalizado e adaptável ao local de estacionamento dos veículos, que podem ser carros, motos, caminhões ou ônibus. A empresa atende todos os tamanhos de frotas. 

A técnica de Lavagem Ecológica da startup é até 100 vezes mais econômica do que as tradicionais e já economizou mais de três milhões de litros de água. Ao atender empresas, ela colabora na agenda ESG e reduz os custos recorrentes da companhia. Com três anos de existência, a Wash Me atua a nível nacional, atendendo diversas cidades em 18 estados diferentes. Entre seus clientes, há também nomes de peso, como: Creditas Auto, Movida, Localiza, Sem Parar, CCR, além de diversas transportadoras que atendem uma das maiores cervejarias do mundo.

Postagem Anterior Próxima Postagem
Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!


Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!

Compartilhe nas redes sociais: Apoie ou retribua.

Todos os nossos artigos são exclusivos. A reprodução total ou parcial é proibida.

Apoie ou retribua.