Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!
Quando se fala em reforma, muitas pessoas ficam preocupadas, já que qualquer obra exige muito planejamento e organização, além dos custos envolvidos. Mas, é possível reformar a casa economizando e ter uma decoração totalmente nova.

Por isso, o primeiro passo é ter em mãos o seu orçamento disponível. Revise suas finanças e saiba o quanto você poderá gastar com a obra.

A partir disso, o planejamento é desenvolvido para melhor aproveitamento de recursos, materiais e tempo.

No artigo de hoje, conheça algumas dicas de como reformar a casa economizando e mudar a decoração gastando pouco. Continue a leitura!

1 - Procure por referências

As reformas de casas, inclusive as pequenas, precisam ter referências. Isto é, vale a pena procurar por algumas fotos no Pinterest, no Instagram ou em outra plataforma para se ter uma ideia do que se deseja fazer no imóvel.

Dessa forma, fica mais fácil orientar o planejamento, já que é possível visualizar o que tem na casa e o que precisa ser modificado, conforme a referência.

Além disso, o próprio Pinterest oferece muitas dicas para aproveitar móveis e a decoração antiga, transformando o cômodo sem ter que investir na compra de novos objetos, ou fazer um grande investimento.

2 - Contrate bons profissionais

Engana-se quem pensa que estará economizando com a contratação de profissionais somente pelo preço. 

Ao contrário, é preciso ter muita cautela na escolha de mão-de-obra, optando por pessoas de confiança para garantir segurança e os melhores resultados.

Nem todo profissional qualificado tem um custo alto. Por esse motivo, é importante fazer um orçamento detalhado e preferir indicações de amigos e familiares que já conhecem o trabalho da pessoa.

3 - Prefira o mesmo revestimento para toda a casa

Uma maneira eficiente de economizar com a reforma é usar o mesmo revestimento para todo o imóvel. 

Por exemplo, na pintura interna de casas, opte por uma cor neutra em todos os cômodos, assim, é possível comprar galões de tinta por um preço mais barato.

Em geral, as cores com menos pigmentação de vermelho em sua composição costumam ter um valor menor e também desbotam menos. Por isso, a dica é preferir essas tonalidades, como o branco, cinza claro, areia, etc.

No caso do revestimento externo, é preciso um cuidado um pouco maior, pois o material ficará exposto às intempéries, como alta intensidade de raios solares, chuva e ventos fortes. 

Sendo assim, o melhor é optar por um produto de alta resistência, evitando a troca contínua do revestimento.

4 - Acrescente uma decoração vegetal

A decoração com plantas é uma tendência da arquitetura moderna. 

Não é à toa que vários estilos, como o minimalismo, prezam pelo uso de vasos, como samambaias, suculentas e até pequenas árvores, para compor o design de interiores.

Muito comum em jardins e varandas, é possível aplicar as mesmas técnicas de paisagismo jardim pequeno para os cômodos, tendo um ambiente muito mais confortável.

Além da estética agradável, a decoração vegetal também oferece muitas outras vantagens para os imóveis, tais como:

  • Ajuda na purificação do ar;
  • Promove a sensação de relaxamento;
  • Ajuda na concentração e criatividade;
  • Proporciona charme e sofisticação.

Algumas espécies, como as palmeiras e costelas-de-adão, dão um toque tropical ao ambiente, enquanto as rosas, lisiantos e astromélias dão a sensação de romantismo.

O ideal é escolher plantas que melhor se adaptam às preferências dos moradores e seus gostos particulares, especialmente quando usadas nos quartos.

5 - Reforme os móveis velhos

Para uma nova decoração dos cômodos da casa, vale reformar as estruturas das mobílias, verificando a possibilidade de reaproveitamento dos materiais. 

Até porque, as peças planejadas e personalizadas por artistas renomados costumam ser bastante caras, mas com um pouco de criatividade, é possível ter um móvel único.

Por exemplo, dar um novo acabamento para a mesinha de centro ou fazer uma cabeceira da cama com materiais recicláveis são opções de decoração alternativas, que dão um toque de diversão e sustentabilidade à casa.

Assim, ao buscar por referências, procure algumas dicas de reforma de móveis velhos também e tente fazer algumas coisas por conta própria.

Conclusão

As dicas acima ajudam a pensar em novas maneiras de reformar a casa economizando, com mudanças na decoração de forma simples, mas que impactam diretamente na estética do ambiente. 

Ou seja, é possível ter um espaço sofisticado e agradável, mesmo com pouco investimento.

No entanto, para alcançar bons resultados, é preciso ter um planejamento detalhado, destacando as peças que podem ser reaproveitadas, os materiais necessários e, principalmente contar com profissionais qualificados.

Desse modo, os moradores podem usufruir de uma reforma de qualidade e ter uma casa decorada, conforme suas preferências.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.
Postagem Anterior Próxima Postagem
🅽🅰🅾 🅳🅴🅸🆇🅴 🅴🆂🆂🅴 🅱🅻🅾🅶 🅼🅾🆁🆁🅴🆁

Sejα um αpoiαdor - ⓟⓘⓧ 11 98363-7919

𝔐𝔢 𝔞𝔧𝔲𝔡𝔢 𝔞 𝔠𝔬𝔫𝔱𝔦𝔫𝔲𝔞𝔯 𝔠𝔬𝔪 𝔬 𝔰𝔦𝔱𝔢!

𝔖𝔢𝔧𝔞 𝔲𝔪 𝔞𝔭𝔬𝔦𝔞𝔡𝔬𝔯: 𝔓𝔦𝔵 11 98363-7919

𝒮𝓊𝒶 𝒶𝒿𝓊𝒹𝒶 𝑒 𝓋𝒾𝓉𝒶𝓁 𝓅𝒶𝓇𝒶 𝒸𝑜𝒷𝓇𝒾𝓇 𝒹𝑒𝓈𝓅𝑒𝓈𝒶𝓈 𝑒 𝒾𝓂𝓅𝓊𝓁𝓈𝒾𝑜𝓃𝒶𝓇 𝒶 𝒹𝒾𝓋𝓊𝓁𝑔𝒶ç𝒶𝑜 𝒹𝑜 𝓈𝒾𝓉𝑒, 𝒸𝒶𝓅𝒶𝒸𝒾𝓉𝒶𝓃𝒹𝑜-𝑜 𝒶 𝒾𝓃𝓈𝓅𝒾𝓇𝒶𝓇 𝓂𝒶𝒾𝓈 𝓅𝑒𝓈𝓈𝑜𝒶𝓈 𝒶 𝒻𝒶𝓏𝑒𝓇 𝒶 𝒹𝒾𝒻𝑒𝓇𝑒𝓃ç𝒶. 𝒥𝓊𝓃𝓉𝑒-𝓈𝑒 𝒶 𝓃𝑜𝓈 𝑒 𝓈𝑒𝒿𝒶 𝓅𝒶𝓇𝓉𝑒 𝒹𝑜 𝓂𝑜𝓋𝒾𝓂𝑒𝓃𝓉𝑜 𝓅𝒶𝓇𝒶 𝓊𝓂 𝒶𝓂𝒶𝓃𝒽𝒶 𝓂𝒶𝒾𝓈 𝒷𝓇𝒾𝓁𝒽𝒶𝓃𝓉𝑒 𝑒 𝓂𝑜𝓉𝒾𝓋𝒶𝒹𝑜𝓇.

GeraLinks - Agregador de links

Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!