A promoção do desenvolvimento social nas atuais condições da sociedade globalizada e informatizada requer, necessariamente, uma mudança de paradigma de ação: ações pontuais e isoladas precisam dar lugar a redes horizontais de cooperação, que possibilitem maior intercâmbio e eficácia na implementação de projetos e políticas públicas na área social.

No Brasil, muitas entidades sociais ainda são herdeiras de uma cultura assistencialista e possuem um estilo de atuação mais baseado no esforço individual do que na cooperação interinstitucional ou intersetorial. 

Em seu sentido convencional, a expressão “entidade social” refere-se a um espaço institucional que atende ou abriga pessoas por meio de programas ou serviços de caráter filantrópico. 

Toda entidade é uma organização e toda organização é idealmente destinada a agregar valor aos seus beneficiários. Contudo as organizações possuem uma vida própria e uma dinâmica interna que podem se tornar mais importantes que a sua própria finalidade e passar a determinar a compreensão de seus membros sobre o sentido geral do trabalho que realizam. Tal compreensão nem sempre é reveladora da essência dos problemas e fatores que promovem ou restringem as possibilidades de emancipação de seu público.

Por melhor que seja a ação de uma entidade, por mais que ela venha a se constituir em uma “ilha de excelência”, o referencial decisivo para sua atuação não se encontra em si mesma. De nada adianta uma “entidade forte” se, mais além dos seus muros, os problemas continuarem a existir e a comunidade não se fortalecer.

Em suma, uma rede é um processo de captação, articulação e otimização de energias, recursos e competências, capaz de gerar um sistema de relacionamentos que organiza indivíduos e instituições de forma igualitária e democrática, em torno de um objetivo ou agenda comum de caráter público. Com o desenvolvimento crescente das tecnologias da informação e da Internet, as redes não têm mais uma limitação presencial, podendo também funcionar de forma virtual e aumentar ainda mais as possibilidades de articulação de pessoas e organizações.

As redes de organizações e movimentos sociais são espaços de troca coletiva e, portanto, qualificadores de informação e experiências. São espaços de articulação política e mobilização social que se constituem para otimizar esforços, potencializar ações, fortalecer atores que se unem em torno de interesses comuns, campos de construção de identidadeprodução simbólica e ação política.

Um dos principais fundamentos do trabalho em rede no setor social é acreditar que a colaboração é fundamental para a promoção de mudanças sociais e do desenvolvimento.

Apesar desta idéia parecer óbvia e ser um dos motivadores da constituição das redes, podemos identificar alguns desafios para a sua concretização. 

Entre os principais desafios podemos destacar a participação efetiva dos integrantes, que exige dedicação de tempo e energia por parte destes, a auto-sustentabilidade, das organizações e da própria rede, e, finalmente, o desenvolvimento de referenciais que possibilitem monitorar e avaliar os resultados das ações da própria rede. 

A maioria das organizações sem fins lucrativos ainda dependem da generosidade dos doadores, embora os padrões estejam mudando. 

Uma década atrás, benfeitores estavam inclinados a apoiar várias organizações. Hoje, os doadores que escolhem.

Os colaboradores são a força vital de qualquer organização sem fins lucrativos – desde os doadores até os voluntários, os apoiadores são o combustível que ajudam a impulsionar a sua missão.

O Portal do Bem Seja Hoje Diferente | Rede de Projetos Sociais é um ótimo lugar para atrair simpatizantes e possíveis contribuidores

Os Grupos Participantes podem receber o retorno da sua base de contatos e ao mesmo tempo aumentá-la, além de coletar informações e dados pessoais para futuros contatos – tudo isso de uma forma que aumenta o engajamento do público com a organização e sua causa.

Dar voz aos contribuidores é uma maneira poderosa de aperfeiçoar seu projeto e atrair ainda mais adeptos, ajudando você a personalizar e maximizar seus esforços.

Com o lançamanto do "Juntos somos mais fortes" Projeto que visa tornar-se uma das maiores Rede de Projetos e Ações Sociais do Brasil, estamos criando uma rede de grupos, projetos, Ongs, Associações e ações, dando a oportunidade de divulgação a nível internacional.

Obrigado por juntar-se à nossa Rede de Projetos e Ações Sociais no Portal do Bem do Seja Hoje Diferente.

A qualquer dúvidas estamos sempre a disposição no botão abaixo via Whatsapp.

Um forte abraço!
Postagem Anterior Próxima Postagem
Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!


Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!

Compartilhe nas redes sociais: Apoie ou retribua.

Todos os nossos artigos são exclusivos. A reprodução total ou parcial é proibida.

Apoie ou retribua.