Blog Diferente Para Ser Diferente
Blog Diferente Para Ser Diferente, Vem Com a Gente!

Seja Diferente, Junte-se ao Seja Hoje Diferente.


A bolsa de valores pode ser um lugar interessante para investir, desde que você saiba como fazer. É possível encontrar ótimas opções, sendo que aprender comprar ações é um dos itens fundamentais para quem pretende se dar bem. Com as nossas dicas ficará mais fácil para investir e obter lucro.

A bolsa pode ser um ambiente perigoso para quem não possui experiências e no máximo ouviu falar sobre como ela funciona. Por isso, é importante tomar as precauções necessárias, evitando a perda de capital ao investir em algumas ações furadas. Por outro lado, quanto maiores os riscos, maiores as promessas de lucros.

1 - Saiba que existem riscos

O mercado de ações sobe e desce, então é fundamental que você saiba que estará correndo riscos financeiros ao investir na bolsa de valores. Antes de investir, é importante que possua este conhecimento, é interessante buscar informações mínimas sobre o mercado de ações, para entender como é que realmente funciona.

Um investidor que consegue fazer uma análise sobre diferentes pontos de vistas, na maioria das vezes, faz diminuir os riscos que irá enfrentar, ainda assim, eles vão continuar existindo. Os novos investidores devem ter ainda mais cautela, para não saírem perdendo já nas primeiras compras de ações.

Os riscos fazem parte do negócio, tem gente que até gosta de conviver com eles. Na bolsa de valores, sem riscos não há ganhos e quanto maiores forem, mais devem apresentar de bônus.

2 - Qual é o seu perfil investidor?

Existem três perfis gerais de investidores: conservador, moderado e agressivo. Para se dar bem e conquistar lucro, é interessante saber qual deles é o seu. Isso servirá para definir quais tipos de ações comprará e quais serão as estratégias adotadas. Podemos dizer que a capacidade de conseguir lidar com perdas é o que diferencia os três.

O conservador é o que mais busca por segurança na hora de fazer uma aplicação. São pessoas que não pretendem correr muitos riscos e que gostam de saber precisamente como o dinheiro aplicado está rendendo. Na maioria das vezes, investem 80% em renda fixa e 20% em renda variável.

O moderado é um investidor intermediário, que já não é mais iniciantes na bolsa de valores, mas que ainda não está disposto a correr todos os riscos. Geralmente, eles fazem investimentos arriscados apenas quando a margem de lucros promete ser boa. A carteira de investimentos fica entre 60% e 65% focada em renda fixa.

Já os agressivos são investidores que estão dispostos a correr riscos em busca de um retorno maior. Para eles, o que importa é o retorno que as ações podem render. São pessoas que já possuem um patrimônio formado e que estão em busca de multiplicar.

3 - Conheça a empresa

A pressa pode ser a grande inimiga de quem vai investir na bolsa de valores. Para ser um investidor de sucesso, é importante fazer uma análise referente a empresa antes de fechara compra de um pacote de ações. Existem algumas alternativas que cresceram muito nos últimos anos, mas podem ter chegado no teto, por exemplo.

Pesquise sobre a maneira de atuar da empresa, o que envolve fatores externos e fatores internos. Procure fazer uma análise completa no relatório financeiro da empresa, assim saberá quais são os riscos ao comprar ações e quais são as vantagens de fazer tal aposta.

Tem empresas que de uma hora para outras veem suas ações disparando na bolsa, mas que logo voltam a cair. Logo, é importante fazer a pesquisa para evitar correr este risco, de comprar em alta e vender em baixa.

4 - Trader ou sócio-investidor?

O trader é aquele comprador de ações que aposta quando o valor está baixo e que revende logo que elas valorizam, enquanto o sócio-investidor acumula ações de uma mesma empresa e vai lucrando com seus dividendos a longo prazo. O trader deve possuir tempo para acompanhar a flutuação do mercado e ser habilidoso com negociações.

O sócio-investidor deve escolher bem a empresa que irá apostar, considerando as receitas e os lucros repassados aos investidores. Neste caso, escolher uma corretora pode ser uma boa alternativa para facilitar a tarefa. Já o trader, é um investidor que atua mais por conta própria.

5 - Tenha calma

A bolsa de valores parece ser um lugar muito agitado, principalmente pela imagem que os filmes fazem dela, um ambiente onde tem muita gente falando alto e caminhando de uma lado para o outro. Ainda assim, a bolsa exige calma na hora de decidir, afinal, é o seu dinheiro que será investido em determinada ação.

Se você ainda é iniciante neste tipo de negócio, faça a compra de ações apenas quando tiver a certeza de que os lucros irão aparecer, caso contrário, é melhor partir para outra alternativa. Na verdade, qualquer tipo de investimento feito na bolsa possui certo risco.
Postagem Anterior Próxima Postagem
 Juntos Somos Mais Fortes, Unidos Somos Melhores e Que Seja Hoje Diferente
Novos Artigos

GeraLinks - Agregador de links