Brenda e Solange com Chocolate

Saudações Amados.

Amados para quem leu o artigo anterior sobre nosso gato chocolate onde também a um complemente sobre a perca de um Pet e as Crianças, segue a continuidade.

Caso você não tenha lido, sugiro que veja primeiro o artigo anterior para entender melhor.

Leia Aqui: A dor da perca de seu Pet e as Crianças

A principio a suspeita era de envenenamento ou uma forte pancada, como um chute. Porém, não foi nada disso, certamente o estado nervoso dele foi ocasionado pela dor.

Infelizmente o Chocolate ficou muito tempo escondido, a última vez que o vimos foi na madrugada de domingo para segunda e somente na tarde desta terça feira que ele foi encontrado muito debilitado e, quando cheguei do serviço corremos para a Clínica Veterinária Ponte Rasa, a mesma clínica que salvou a U7 nossa cachorra a dois anos.

O Chocolate estava muito fraco e desidratado, recebeu soro e antibioticos já que uma forte infecção foi percebida, veja o vídeo:



Chocolate ficou na Clínica Veterinária Ponte Rasa para observação e novos medicamentos a serem aplicados amanhã se tudo ocorrer bem já que ele chegou praticamente partindo para o céu dos gatinhos.

Com nossa fé em Deus e em nosso Senhor Jesus Cristo na qual entregamos a vida do Chocolate aguardamos ansiosos pela recuperação de nosso gatinho.

Assim como no artigo anterior, aproveito para transcrever abaixo um ótimo texto sobre Infecção urinária em gatos - Sintomas, tratamento e prevenção não deixe de ler.


Infecção urinária em gatos:

Sintomas, tratamento e prevenção


As infecções urinárias, conhecidas também como infecção do trato urinário, são um dos grupos de condições mais comuns e incômodas que um gato pode sofrer. Existem vários tipos de infecções, como a cistite (inflamação da bexiga), nefrite (inflamação dos rins) ou cálculos urinários, mas a maioria delas apresentam o mesmo quadro de sintomas.

Como referimos antes, estas condições afetam a bexiga e a uretra do felino, e podem ocorrer em gatos de qualquer idade mas, sobretudo em animais de idade adulta que sofrem de obesidade, que estão em espaços muito reduzidos ou que emocionalmente sofrem de muitos sobressaltos e poucos momentos de tranquilidade.

Sintomas de infecção urinária em gatos
Todos os donos de gatos devem estar muito bem informados sobre os sintomas destas condições, pois é muito importante a prevenção e o tratamento antecipado, pois se um gato estiver sofrendo de infecção urinário poderá ser não apenas muito doloroso para o animal, como também mortal.

Muitos gatos sofrem de surtos repetidos, o que faz gerar um padrão que vai piorando com o tempo, mas cuidado, porque a maioria dos gatos não apresentam sintomas até que a doença já se encontre muito avançada. Por isso, é importante vigiar o comportamento do seu gato no momento de fazer as suas necessidades e observar também o estado da sua urina.


Os sintomas de infecção urinária no gato são os seguintes:



  • Realiza demasiado esforço ao urinar.
  • Urina em poucas quantidades.
  • Não se consegue conter e urina fora da sua caixa de areia (algo muito estranho neles).
  • Tenta urinar com mais frequência do que o normal, que por vezes, se pode confundir com a ação de defecar.
  • Chora no momento de urinar, este comportamento é completamente fora do normal.
  • Também pode apresentar sangue na urina. Além disso, terá a necessidade constante de lamber as suas partes íntimas para aliviar sensações incômodas, alguns gatos podem ter febre e fraqueza nas etapas iniciais da infecção.



Tratamento da infecção urinária em gatos


Por mais que acredite saber o suficiente, nunca deverá diagnosticar o seu gato, muito menos no caso de infecção urinária. Perante a presença de qualquer um dos sintomas que referimos no ponto anterior, deverá levar o seu gatinho ao veterinário para que este possa realizar todos os exames necessários. Análises de sangue e de urina entram dentro do tipo de exames, tanto para confirmar se tem cristais, células inflamatórias, como para revisar o estado da urina e descartar outras doenças.

O tratamento para a infecção urinária em gatos variará dependendo da condição. Se o gato tem um problema de infecção bacteriana deverá tomar antibióticos (estas não ocorrem com frequência). Para o caso de cistite o tratamento começará por aliviar a dor administrando medicamentos para relaxar e evitar obstruções nas vias urinárias. Depois, reduzir o estresse com exercício e a administração de feromonas para ajudar a reduzir os níveis de ansiedade. Por último, controlar a quantidade de urina, substituindo a comida seca por uma dieta um pouco mais úmida.

Se o gato tiver a uretra bloqueada, o tratamento será cirúrgico e praticamente de urgência, pois a urina não está fluindo com normalidade. É possível que o seu pet fique internado por vários dias, uma vez que o veterinário deverá dar-lhe medicamentos via intravenosa e monitorizar o seu progresso. O mesmo acontece com os cálculos, que podem precisar de operação (dependendo do tipo) ou se não estiverem tão avançados podem ser curados com uma simples mudança de dieta e hábitos de vida.


Como prevenir a infecção urinária em gatos?


O apoio do veterinário não deve acontecer apenas quando o felino fica doente ou tem uma emergência. Tente manter uma boa comunicação com ele sobre o seu gato e pergunte-lhe qual é o tipo de dieta mais adequada para a saúde do seu pet. Lembre-se que somos o que comemos. Neste sentido, recomendamos que consulte este artigo em que lhe explicamos qual a alimentação adequada para gatos.

A água é fundamental para limpar e depurar o organismo. Deverá educar e habituar o seu gato a ingerir sempre água. O mesmo acontece com o hábito de urinar, esta é uma das poucas formas que existe para expulsar as toxinas do corpo, pelo que é importante que o seu gato o faça com frequência e que na hora de o fazer encontre a sua caixa de areia nas melhores condições de higiene e limpeza.

Os gatos são animais de rotinas, será sempre bom para a sua saúde minimizar as mudanças bruscas de rotina que lhe possam causar estresse, que depois possam levar a uma infecção urinária.

Faça todo o esforço possível para dar uma vida tranquila ao seu gato, verá que assim terá um pet saudável e feliz por muitos anos.


Por que o meu gato tem uma infecção?


As infecções, obstruções e inflamações urinárias ocorrem devida à presença ou não de sangue ou outros agentes estranhos no trato urinário. Estas condições podem ser causadas por muitos fatores e/ou por sua vez ser a manifestação de uma doença no organismo do animal. Algumas das causas podem ser as seguintes:

Como referimos no início deste artigo, qualquer fator que coloque o gato em estado de estresse, pode causar o desenvolvimento deste tipo de doenças. Situações deste tipo poderiam ser um mudança repentina de casa, a chegada de um novo membro da família, ausência de um companheiro humano e a presença de pessoas estranhas.

O sedentarismo e a obesidade também podem causar infecção das vias urinárias, pois ao desacelerar todos os processos internos, o corpo não está igualmente capaz de eliminar todos os desperdícios que vai consumindo. A obstrução uretral em machos ocorre com mais frequência em adultos jovens que vivem em espaços muito fechados, onde têm poucas oportunidades de se exercitar.

Um pH ácido e descontrolado na urina do gato pode aumentar o aparecimento de magnésio e elevar os seus níveis até um ponto não adequado, que pode levar a uma posterior formação de cristais de fosfato de magnésio que podem prejudicar a urina e depois causar urolitíase (cálculos urinários). Tudo isto é causado, entre outras coisas, por uma má alimentação, como as dietas de baixa digestibilidade e sem controle de minerais.

Fonte: Perito Animal


Sucesso, Saúde, Proteção e Paz!
Acredite nos seus sonhos. A fé aliada à ação servem de ponte para a concretização deles.

Comente este artigo

Postagem Anterior Próxima Postagem

GeraLinks - Agregador de links