A Intelbras avança globalmente com a compra de uma empresa colombiana

A Intelbras avança globalmente com a compra de uma empresa colombiana

A Intelbras (INTB3), empresa catarinense com quase cinco décadas de história, deu um grande passo em direção à internacionalização ao adquirir, por R$ 24 milhões, 55% da Allume Holding S.A.S., uma conceituada companhia colombiana que atua nos segmentos de segurança eletrônica, redes, comunicação, automação predial e gestão de energia. A aquisição foi anunciada recentemente pela Intelbras e marca sua primeira incursão no mercado internacional.

Fortalecendo a presença na América Latina

Com sede na Região da Grande Florianópolis, a Intelbras tem desempenhado um papel significativo no mercado nacional, sendo uma referência em tecnologia e inovação em seus setores de atuação. Agora, com a aquisição da Allume Holding S.A.S., a empresa busca expandir sua influência na América Latina, consolidando sua presença na região.

A empresa já possui uma história de quase meio século no mercado brasileiro, oferecendo produtos e soluções em tecnologia e comunicação. A aquisição da companhia colombiana demonstra seu compromisso com o crescimento sustentável e a busca por novas oportunidades em mercados promissores.

Novos horizontes e estratégias

O valor da aquisição, que é de R$ 24 milhões, está sujeito a ajustes contratuais. O acordo prevê que as duas empresas mantenham suas operações comerciais independentes. A sinergia resultante dessa parceria será captada por meio dos processos internos de gestão. Essa estratégia de manter as operações separadas permite que ambas as empresas continuem a crescer e servir seus clientes de maneira eficaz.

Altair Silvestri, CEO da Intelbras, expressou sua satisfação com a aquisição, destacando que faz parte de um plano estruturado de internacionalização e reforça a estratégia da empresa de ampliar sua presença na América Latina.

Recomendação da XP Investimentos e perspectivas

A XP Investimentos recomenda a compra de ações da INTB3, com um preço-alvo atualizado de R$ 33, em comparação com os R$ 38 anteriores. A empresa realizou uma pesquisa com investidores institucionais sobre a Intelbras, coletando estimativas e percepções de riscos. Algumas das principais conclusões incluem:

A dinâmica do segmento de energia sofreu um declínio significativo, e a recuperação não deve ser tão rápida.
Investidores têm expectativas de margens melhores para os anos de 2023 e 2024.

Em resposta a essas descobertas, a XP Investimentos ajustou suas estimativas e incorporou os resultados do segundo trimestre de 2023, bem como novas projeções para o setor de energia. Como resultado, as estimativas de crescimento da receita líquida para o período de 2022 a 2025 foram revisadas para -3%, em comparação com os +14% anteriores. A INTB3 atualmente negocia com múltiplos EV/EBITDA e P/E de 2024 estimados em 9,6x e 11,4, respectivamente.

Este artigo é uma edição exclusiva para o News SHD: Seja Hoje Diferente. Caso deseje copiá-lo para publicar em seu blog, é necessário incluir o News SHD como fonte e fornecer um link para este artigo e não esqueça se puder contribuir ou retribuir com 50 centavos nos ajuda e nos incentiva a continuar.

Qual é a sua opinião sobre este artigo?

Caro leitor, sua opinião é essencial para nós! Compartilhe seus pensamentos nos comentários sobre esta publicação. Garantimos manter o Seja Hoje Diferente sempre atualizado e funcional. Se notar algum link quebrado ou problema com áudio e vídeo, por favor, avise-nos nos comentários. Agradecemos sua colaboração, seu apoio é a bússola que nos orienta na entrega de conteúdo relevante. Obrigado por fazer parte desta comunidade engajada!

Postagem Anterior Próxima Postagem

Shopee