Tremor foi sentido durante a noite; não há registro de mortos ou feridos

Um terremoto de 4,6 graus na escala Richter atingiu na noite desta terça-feira, 28, o centro da Itália, com epicentro a 2 km da cidade de Montagano, na região de Molise, e a uma profundidade de 23 quilômetros. De acordo com os relatórios iniciais, não há notificações de grandes danos, nem os bombeiros receberam pedidos de ajuda, embora a intensidade do tremor tenha sido suficiente para que alguns residentes de Nápoles reportassem, de acordo com a imprensa local. O tremor foi registrado às 23h52 locais (18h52 em Brasília) e pensava-se inicialmente que tinha sido superior a 5 graus, mas o Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia o reduziu para uma magnitude de 4,56. 

Os residentes de Montagano e da cidade vizinha de Campobasso saíram às ruas de pijamas e com malas nas costas e relataram algumas fissuras nas paredes, enquanto os prefeitos dos municípios mais próximos do epicentro anunciaram o fechamento das escolas durante a manhã. 

O terremoto também foi sentido na região vizinha de Abruzzo, ao longo da costa do Adriático e até mesmo em Nápoles, a mais de 150 quilômetros de distância, na região da Campânia, no sul. No início deste mês, um terremoto de 4,4 graus de magnitude foi sentido mais ao norte, na província de Perugia, mas sem causar danos. 

A península italiana é muito sensível a abalos sísmicos, com destaque para esta zona montanhosa entre Abruzzo e Molise, propensa a terremotos.

Postagem Anterior Próxima Postagem
Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!


Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!

Compartilhe nas redes sociais: Apoie ou retribua.

Todos os nossos artigos são exclusivos. A reprodução total ou parcial é proibida.

Apoie ou retribua.