*João Paulo Tavares é Presales Director Latam na Semantix

Tema crescente nas empresas de tech e impulsionado devido ao marco atingido pelo Google em 2019, a computação quântica possibilita o alcance de inúmeras otimizações nos mais variados setores. Solucionando problemas complexos que a computação clássica não conseguiria, ou demandaria tempo excessivo para conclusão, a tecnologia quantum deve ser o próximo passo na transformação dos negócios.

A principal diferença entre big data e quantum computing é que o primeiro usa computação clássica para analisar grandes quantidades de dados e extrair insights, enquanto o segundo usa princípios quânticos para realizar cálculos complexos e poder computacional mais elevado do que o computador tradicional. Além disso, o quantum computing tem o potencial de permitir simulações que não são possíveis com computação clássica.

Os principais impactos que a computação quântica pode ter na humanidade são: maior velocidade e segurança em transações online, algoritmos de AI muito mais abrangentes, maior poder computacional para criação de algoritmos complexos e cálculos quânticos que permitirão simulações ainda não possíveis. Outro benefício importante é o desenvolvimento de materiais eficientes e inovadores que possam ser usados na agricultura, saúde, energia, varejo e outras áreas da sociedade.

O futuro dos dados com quantum computing é muito promissor, pois abrirá o caminho para novos e aprimorados algoritmos, como os que ajudarão a: 

  • Prever e tratar determinadas doenças;
  • Descobrir novos medicamentos e materiais;
  • Criar programas de computador ainda mais avançados;
  • Diminuir os riscos ao realizar cálculos relacionados a investimentos;
  • Otimizar entregas por meio do mapeamento de cadeias de distribuição globais;
  • Aprimorar os processos em inteligência artificial e machine learning;
  • Revolucionar as telecomunicações com uso de transmissores quânticos.

Área também em alta e constante desenvolvimento, a inteligência artificial otimizada pela computação quântica deve ser estimulada a explorar um conjunto de possibilidades inalcançáveis pela computação clássica. Por meio de uma expansão de aptidão, a sinergia entre IA e quantum computing está possibilitando diversos avanços em ambas as áreas, e vale também o destaque para machine learning.

As organizações já devem se planejar para obter o melhor da vantagem proporcionada pela tecnologia quantum, colocando as empresas pioneiras em posição de vantagem no mercado. Alguns questionamentos devem ser feitos para iniciar as ações relacionadas à implementação das ferramentas em questão:

  • Sua organização está em constante aprendizado a respeito de quântica?
  • Como o seu core business pode se beneficiar das aplicações dessas ferramentas?
  • Em que posição de conhecimento e desenvolvimento de soluções em quantum computing a sua empresa está em relação aos concorrentes?
  • Quais as principais simulações e otimizações que trariam vantagem competitiva para a sua organização?

Para se preparar para esse novo futuro, é importante começar a estudar sobre ciência quântica, as últimas tecnologias e técnicas de desenvolvimento de software de computação quântica, além de manter-se atualizado sobre os principais desenvolvimentos em ciência e computação da área. Devido à curva de aprendizado acentuada da ferramenta, é preciso adotar uma posição mais curiosa e proativa de antecipação de tendências, pois aqueles que se comportarem como reativos podem perder vantagem competitiva.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Compartilhe nas redes sociais e apoie ou retribua

Todos os nossos artigos são exclusivos é proibida a reprodução total ou parcial dos mesmos sem a indicação da fonte SHD: Sejahojediferente.com