Mancha Verde teria feito emboscada para membros da Gaviões, que voltavam do ABC paulista

Uma briga generalizada entre torcidas organizadas de Corinthians e Palmeiras deixou duas pessoas feridas na madrugada desta sexta-feira, 10, no Viaduto Grande São Paulo, no bairro do Ipiranga, em São Paulo. Em contato com o site Jovem Pan, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) informou que o violento conflito ocorreu às 03h38 (de Brasília) e que as duas vítimas hospitalizadas são da Gaviões da Fiel, a principal uniformizada do Alvinegro. A condição dos feridos não foi revelada. “Policiais militares faziam patrulhamento pelo local, quando foram acionados via Copom para atender uma ocorrência de tumulto. No viaduto, se depararam com demais viaturas da PM e com unidades do Resgate do Corpo de Bombeiros que prestavam atendimento. No local havia estilhaços de vidros e dois torcedores corintianos estavam feridos. Eles foram socorridos ao Hospital Municipal Dr. Arthur Ribeiro Saboya e Santa Casa de Misericórdia, onde permaneceram internados”, comunicou a SSP.

De acordo com a Polícia Militar, nenhum envolvido na briga foi detido até o momento. Imagens que circulam nas redes sociais mostram que membros da Mancha Verde, a maior organizada do Palmeiras, fizeram uma emboscada, apedrejaram e destruíram um ônibus da Gaviões da Fiel – os corintianos estavam voltando do ABC paulista, palco da partida entre São Bernardo e Corinthians, válida pelo Estadual. Além de fotos com torcedores do Alvinegro feridos, palmeirenses relataram ter roubado instrumentos musicais dos rivais.

O caso acende um alerta para as autoridades estaduais, já que um clássico entre Corinthians e Palmeiras está marcado para a próxima quinta-feira, 16, na Neo Química Arena, em Itaquera, pela nona rodada do Paulistão.

Confira a nota da SSP na íntegra:

“A Polícia Civil investiga uma briga de torcida ocorrida às 03h38 desta sexta-feira (10), no Viaduto Grande São Paulo, próximo ao acesso à Avenida do Estado, sentido centro.

Policiais militares faziam patrulhamento pelo local, quando foram acionados via Copom para atender uma ocorrência de tumulto. No viaduto, se depararam com demais viaturas da PM e com unidades do Resgate do Corpo de Bombeiros que prestavam atendimento.

Segundo informações, houve uma briga generalizada envolvendo torcedores dos clubes Palmeiras e Corinthians. No local havia estilhaços de vidros e dois torcedores corintianos estavam feridos. Eles foram socorridos ao Hospital Municipal Dr. Arthur Ribeiro Saboya e Santa Casa de Misericórdia, onde permaneceram internados.

O caso foi registrado pelo 16º DP como lesão corporal e é investigado pelo 17º DP, responsável pela área.”

Leia a nota da Polícia Militar de São Paulo:

“Duas pessoas foram agredidas na rua Barão de Resende, no bairro do Ipiranga, por volta da 1h20, provavelmente vítimas desta briga entre torcedores de Palmeiras e Corinthians. Foram socorridas uma na Santa Casa da Misericórdia, e outra no Pronto Socorro do Hospital Municipal Doutor Arthur Ribeiro de Saboya, no Jabaquara. Não houve detidos.”

Postagem Anterior Próxima Postagem

Compartilhe nas redes sociais e apoie ou retribua

Todos os nossos artigos são exclusivos é proibida a reprodução total ou parcial dos mesmos sem a indicação da fonte SHD: Sejahojediferente.com