As Baratas Francesinhas além de trazer desconforto em residências elas também podem causar sérias doenças que nem mesmo poderíamos imaginar.

Uma dúvida é comum se as baratas francesinhas também transmitem assim como as suas “primas” as baratas cascudas.

Sabe-se que as baratas cascudas são grandes transmissoras de doenças, mas engana-se quem acha que as baratas francesinhas são inofensivas.

As baratas francesinhas, andam em lixos, comem resto de comidas e passeiam em nossos armários de forma tão natural que passa até despercebido.

As baratas em geral são pragas (causam prejuízo aos seres humanos) e também são vetores (transmitem doenças).

Jonatas Ramos especialista em controle de pragas e fundador da Dedetizadora Nova Iguaçu, assim como as baratas cascudas, as baratas francesinhas são grandes transmissoras de doenças e podem ser até mais perigosas por estar perto de nossos alimentos frequentemente.

Nós criamos esse post para compartilhar 4 doenças que as baratas francesinhas podem causar a você e sua família.

Como acabar com baratas francesinhas na cozinha é um desafio, sabemos disso, mas você precisa tomar cuidado para não ter prejuízos na sua saúde.

E quais são essa doenças que podem fazer mal para suas família, eu vou citar as principais para você tomar cuidado com essa praga insuportável.

Hepatite A

Os primeiros sintomas mais comuns da hepatite A são desconforto, dor no corpo, náuseas, dor abdominal, vômitos, olhos e pele amarelados, urina muito escura e fezes claras.

Se a doença for muito grave, pode levar à insuficiência hepática, sangramento e morte, disse o infectologista.

O período de incubação do vírus é de 15 a 50 dias. Ou seja, após a pessoa ter 'ingerido' o vírus da hepatite A por meio de alimentos ou água contaminados, ela deve ficar doente entre 15 e 50 dias depois.

Sintomas:

     Dor local: nas articulações, abdômen ou músculos

     No trato gastrointestinal: diarréia, náusea ou vômito

     No corpo: fadiga, febre ou perda de apetite

Febre Tifóide

A febre tifóide é uma doença infecciosa causada pela bactéria Salmonella typhi, transmitida principalmente por água e alimentos contaminados.

Como o nome indica, a infecção é caracterizada por febre alta prolongada, acompanhada por alterações intestinais, como diarreia com sangue e aumento do baço e do fígado.

Cerca de 10% dos casos apresentam manchas avermelhadas no tronco. Sem tratamento adequado, a doença continua a evoluir por semanas e às vezes até meses.

Sintomas:

     Dor local: abdominal ou muscular

     No trato gastrointestinal: prisão de ventre, diarréia, inchaço, náusea, sangramento, sangue nas fezes ou vômito

     No corpo: febre, calafrios, fadiga, mal-estar ou perda de apetite

Diarreia

Quase todo mundo já passou por essa situação e sabe que é desagradável: esse impulso é incontrolável e não vai lhe dar coragem para ficar longe do banheiro.

Embora existam muitas doenças ou condições que podem causar diarreia, a maioria das doenças agudas tem uma fonte de infecção, ou seja, é a resposta de um organismo a bactérias, vírus, parasitas e toxinas.

Devido às práticas de higiene inadequadas, esses patógenos podem ser transmitidos por meio de alimentos ou bebidas contaminados ou de pessoa para pessoa.

Tuberculose

A tuberculose geralmente afeta os pulmões, embora também possa afetar outras partes do corpo. A maioria das infecções não apresenta sintomas e, nesses casos, é chamada de tuberculose latente.

Sintomas:  

     Dor local: peito

     Tosse: sangramento ou crônica

     Para o corpo: fadiga, febre, perda de apetite, suores noturnos ou suores

     Peso: perda de peso ou perda de peso não intencional grave Isso também é muito comum: expectoração ou inchaço dos nódulos

A tuberculose é uma doença infecciosa, geralmente causada pelo Mycobacterium tuberculosis.

Essas são as principais doenças transmitidas pelas baratas francesinhas, por isso é importante sempre manter o ambiente totalmente controlado contra essa praga e vetor urbano.

As baratas francesinhas parecem inofensivas, mas elas transitam em lugares inimagináveis, podendo transmitir qualquer uma das doenças acima.

Quem gosta comenta!

O você achou desta publicação? Qual sua opinião a respeito?
Gostaria de acrescentar algo? Use o campo abaixo e registre sua participação nesta publicação.
Sugerimos Usar a Opção Nome + URL = Escreva seu nome e no campo url coloque o link de seu blog, site, rede social ou deixe em branco.
Estamos aguardo sua participação.

Postagem Anterior Próxima Postagem
 *Todos os textos do Seja Hoje Diferente é uma produção independente e todo conteúdo produzido é de total responsabilidade de seus idealizadores e editores, apresentados em "Informações" e ou Links de origem.

*O artigo acima não reflete, necessariamente, a opinião do Seja Hoje Diferente publicado em carater divulgativo. 


GeraLinks - Agregador de links