Blog Diferente Para Ser Diferente
Seja Uma Pessoa Melhor, Diferente Você já é ! - Junte-se ao Grupo de Amigos do Seja Hoje Diferente - Bem Vindo (a).

O que você deve fazer antes de começar a praticar os exercícios em casa

A pandemia da Covid-19 exigiu o cumprimento de parâmetros de isolamento social, além do fechamento de academias e locais públicos, fazendo com que muitas pessoas tivessem que praticar os exercícios em casa


Contudo, antes mesmo do novo coronavírus, essa realidade já era conhecida por uma grande parcela da população, que devido à rotina corrida, os inúmeros afazeres e o ritmo frenético de trabalho, não dispunha de um tempo para fazer atividades físicas em espaços fitness.


Por isso, adaptar algum cômodo ou buscar alternativas para praticar exercícios físicos em casa são algumas opções para manter o corpo e a mente ativos. 


Afinal de contas, a regularidade de atividades é uma recomendação de saúde, sendo importante para evitar doenças crônicas, melhorar a qualidade e expectativa de vida, além de colaborar com a saúde mental.


Só que não basta arrastar o sofá e começar o treino. Aliás, qualquer atividade física exige uma preparação prévia, seja ela em casa, ao ar livre ou em academias.


No artigo de hoje, saiba o que você deve fazer antes de começar a praticar os exercícios em casa e confira algumas dicas para ter uma rotina saudável. Acompanhe a leitura!


1 - Procure um médico ou especialista

Não é de hoje que os médicos reforçam a importância da atividade física para a saúde em qualquer idade.


No entanto, cada pessoa tem características próprias, sendo necessário adaptar os treinos de acordo com os objetivos do praticante, o condicionamento físico e as condições de saúde. 


Por isso, o primeiro passo é procurar um médico ou especialista para orientar quais são os exercícios físicos corretos.


Para quem não tem certeza da condição de saúde, uma dica é ir até uma clínica médica diagnóstico e fazer um check-up completo, verificando a pressão arterial, presença ou ausência de doenças crônicas, lesões, etc.


Essa primeira consulta irá ajudar a analisar todo o seu corpo e, com isso, é possível direcionar o profissional adequado.


Vamos supor que seu desejo é perder peso e gordura corporal, porém foi diagnosticado um problema na tireoide (hiper ou hipotireoidismo).


Talvez fazer um acompanhamento com um endocrinologista para emagrecer seja a melhor forma de conquistar resultados satisfatórios com os exercícios em casa.

2 - Crie um espaço adequado para o treino

Depois de verificar sua condição de saúde, está na hora de preparar o ambiente para o seu treino diário. A recomendação é escolher um cômodo com poucos móveis e com artigos fáceis de arrastar ou retirar do espaço.


Além disso, verifique alguns pontos do ambiente:


Prefira locais com janelas, para melhor ventilação;
Evite cômodos com pisos ou revestimentos escorregadios;
Não faça exercícios físicos em cima de tapetes;
Tire os móveis que possam atrapalhar a sua movimentação.

Embora nem todas as casas contem com um espaço próprio para a prática de exercícios físicos, é possível adaptar um dos cômodos e evitar o sedentarismo.

3 - Use roupas confortáveis e apropriadas

Não é porque você está em casa que não é preciso ter cuidado com a escolha das roupas para a prática de exercícios físicos. Peças desconfortáveis podem limitar o movimento e são capazes de causar lesões musculares.


Por isso, use vestimentas apropriadas, como leggings, shorts, camisas dry fit, tênis com amortecimento e meias. 


Para as mulheres, também recomenda-se o uso de top de ginástica, para melhor segurança dos seios.

4 - Tenha uma dieta saudável

A qualidade de vida está diretamente alinhada com a prática de exercícios físicos, mas também com a adoção de uma dieta rica em nutrientes. Por isso, se for o caso, procure um cartão de visita nutricionista para o acompanhamento da sua alimentação.


Muitas pessoas queixam-se frequentemente de praticar atividades com regularidade, mas não alcançar os resultados esperados. 


Em geral, é por conta de uma dieta insuficiente, que compromete o progresso do corpo e pode até fazer mal à saúde.


Para quem tem uma rotina de exercícios físicos muito intensa, a recomendação é procurar por um nutricionista esportivo, que dará as melhores orientações aos praticantes.

Conclusão

Fazer exercícios físicos em casa é uma opção bastante viável para quem está se mantendo em isolamento social ou para as pessoas que não têm tempo de frequentar uma academia ou espaços fitness.


O segredo é não ficar parado e adotar uma rotina de treinos diária para não desanimar e se render ao sedentarismo. 


Afinal, as atividades físicas são importantes para a qualidade de vida, sendo essenciais para um corpo e mente saudáveis.


Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.
Postagem Anterior Próxima Postagem

Veja abaixo mais um artigo do Seja Hoje Diferente!