Como compreender os Transtornos do Neurodesenvolvimento

O neurodesenvolvimento de cada ser humano é uma jornada que varia muito de pessoa para pessoa, já que crianças, sejam neurodivergentes ou neurotípicas, possuem necessidades, déficits e desafios diferentes. Segundo Mara Duarte, neuropedagoga, psicopedagoga, psicomotricista e diretora do Grupo Rhema Neuroeducação, várias questões podem ser observadas em relação a essas diferenças.

Mara Duarte explica que entre essas questões estão a função sensorial, que envolve como a criança percebe os estímulos; a função motora, relacionada à coordenação e controle dos movimentos; e a capacidade de aprendizado. "São todos aspectos fundamentais para o desenvolvimento e podem ser desafiadores para todas as crianças. Conhecê-los é o primeiro passo para adaptar nossas práticas pedagógicas e criar um ambiente inclusivo que apoie o sucesso de todos os alunos", afirma Mara.

Avaliações Essenciais para o Neurodesenvolvimento

Outras avaliações importantes, de acordo com Mara Duarte, podem vir da capacidade de armazenar e recuperar informações que a criança possui, do gerenciamento da emoção e da ansiedade, do planejamento e da tomada de decisões, e da habilidade social. Esses aspectos são fundamentais para o desenvolvimento e podem ser desafiadores para todas as crianças.

Transtornos do Desenvolvimento e Seus Sinais

Conhecer e identificar sinais de transtornos do desenvolvimento é crucial para proporcionar o suporte adequado às crianças. Confira alguns transtornos do desenvolvimento e sinais que podem ajudar a identificá-los:

Deficiências Intelectuais
São condições que envolvem limitações significativas na função intelectual e no funcionamento adaptativo. Entre os sinais estão o atraso no desenvolvimento cognitivo e dificuldades na aprendizagem. "Uma avaliação clínica abrangente, incluindo testes de QI e avaliação do funcionamento adaptativo, pode ajudar a traçar um diagnóstico", explica Mara Duarte.

Transtornos da Comunicação
Transtornos como gagueira e afasia podem ser identificados através de avaliação com fonoaudiólogos e terapeutas da fala. "Nesses casos, podemos usar terapia da fala e terapia de linguagem como estratégias de intervenção", diz a neuropedagoga.

Transtorno do Espectro Autista (TEA)
Este transtorno afeta a comunicação social, a interação social e o comportamento. "Uma avaliação clínica com base em critérios do DSM pode identificar dificuldades na comunicação e déficit na interação social, entre outros pontos", diz Mara Duarte.

Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade (TDAH)
Caracterizado por déficit de atenção, inquietação, hiperatividade e impulsividade. "Nestes casos, é possível usar terapia comportamental, psicoeducação, estratégias de organização e até medicação em alguns casos", esclarece Mara Duarte.

Transtornos Específicos de Aprendizagem
Podem ser identificados através de dificuldades persistentes em áreas acadêmicas específicas, abaixo do esperado para a idade e nível de inteligência. Uma avaliação psicológica e educacional é necessária, além de testes de habilidades, segundo a especialista.

Transtornos Motores
São dificuldades na coordenação motora que afetam habilidades diárias e motoras. "A avaliação é feita por terapeutas ocupacionais e fisioterapeutas, podendo ser utilizadas atividades específicas com as crianças e, em muitos casos, ser necessário apoio escolar adaptado", finaliza Mara Duarte.

Recomendações de Leitura e Filme

Para aqueles que desejam se aprofundar no tema do neurodesenvolvimento infantil, recomendo o livro "Neurociência e Educação: Como o Cérebro Aprende" de Joaquim Saial. Este livro oferece uma visão abrangente sobre como o cérebro se desenvolve e aprende, essencial para educadores e pais.

No cinema, o filme "Temple Grandin" (2010) é uma excelente escolha. Baseado na vida da Dra. Temple Grandin, uma mulher autista que se tornou uma das principais cientistas no campo da pecuária, o filme mostra os desafios e superações de alguém com neurodivergência.

Um forte abraço,  
Analista de Dados, Marketing, Publicidade, TI (tecnologia da informação), Aspirante de Jornalismo e CEO do SHD: Seja Hoje Diferente.
Postagem Anterior Próxima Postagem
Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!


Seja Parceiro Anuncie no Seja Hoje Diferente!

Compartilhe nas redes sociais: Apoie ou retribua.

Todos os nossos artigos são exclusivos. A reprodução total ou parcial é proibida.

Apoie ou retribua.