Equidade Salarial: Rumo a uma Realidade Mais Justa no Ambiente de Trabalho
Ilustração Reprodução Divulgação

Caros leitores do Seja Hoje Diferente, trago uma reflexão sobre um tema essencial no cenário atual: os novos critérios de igualdade salarial entre homens e mulheres. A advogada Anna Carolina Gogolla Kalmus, do renomado escritório Martins Advogados, compartilha insights valiosos sobre a recente legislação, a Lei nº 14.611/2023, que visa combater as disparidades salariais de gênero.

Apesar dos avanços no mercado de trabalho, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) ainda aponta desigualdades significativas. As mulheres trabalham mais horas, possuem maior nível educacional, mas recebem salários 22% menores em média. Essa diferença aumenta em cargos de liderança, chegando a 34%.

A nova legislação traz medidas concretas para enfrentar esse cenário desafiador:

Multa por Discriminação: Estabelece multa correspondente a dez vezes o salário devido à pessoa discriminada.

Transparência Salarial: Introduz mecanismos de transparência salarial, com a obrigação de publicar o Relatório de Transparência Salarial.

Fiscalização e Denúncias: Implementa fiscalização contra discriminação salarial, disponibilizando canais específicos para denúncias.

Programas de Diversidade: Incentiva a promoção e implementação de programas de diversidade e inclusão no ambiente de trabalho.

Capacitação e Formação: Fomenta a capacitação e formação de mulheres para o ingresso, permanência e ascensão no mercado de trabalho.

A Lei institui o Relatório de Transparência Salarial, obrigando empresas com cem ou mais empregados a publicar semestralmente salários e remunerações. O não cumprimento acarreta multa. O relatório será elaborado pelo Ministério do Trabalho e Emprego e pelas próprias empresas.

Diante da publicação, os empregadores têm 90 dias para elaborar um plano de ação para mitigar a desigualdade salarial. O descumprimento sujeita as empresas a multas administrativas.

É fundamental que as empresas realizem revisões internas, mapeando potenciais riscos trabalhistas. Essas medidas são passos cruciais para a busca da igualdade de gênero no mercado de trabalho, promovendo benefícios socioeconômicos para a coletividade.

Convido vocês a explorarem mais artigos em nosso blog, abordando temas que impactam positivamente a sociedade. Juntos, podemos construir um ambiente de trabalho mais justo e igualitário. A mudança começa com a conscientização e a ação. Vamos juntos nessa jornada pela equidade!

Qual é a sua opinião sobre este artigo?

Caro leitor, sua opinião é essencial para nós! Compartilhe seus pensamentos nos comentários sobre esta publicação. Garantimos manter o Seja Hoje Diferente sempre atualizado e funcional. Se notar algum link quebrado ou problema com áudio e vídeo, por favor, avise-nos nos comentários. Agradecemos sua colaboração, seu apoio é a bússola que nos orienta na entrega de conteúdo relevante. Obrigado por fazer parte desta comunidade engajada!

Postagem Anterior Próxima Postagem
Shopee