O avanço tecnológico visto desde a virada do século acelerou diversas mudanças em várias áreas

Por Leonardo Oliani

O avanço tecnológico visto desde a virada do século acelerou diversas mudanças em várias áreas, dentre elas, o setor de trade marketing. Com essa progressão, era notória a necessidade de mudanças na maneira como as empresas pensavam e desenvolviam soluções que precisam ser aplicadas, como diria o ditado popular, “para ontem”.

Há quase 20 anos prestando serviços, a Astéria encontrou uma forma de atender às novas necessidades do mercado brasileiro através de uma plataforma: o TradeSuite. Mais do que um recurso próprio, esse sistema passou a ter o propósito de simplificar a gestão de programas de relacionamento, controle de investimentos comerciais, gerenciamento de acordos, além de políticas comerciais e negócios B2B.

Baseado em computação em nuvem e projetado para automatizar processos corporativos, o software desde o princípio foi criado para ser personalizável, fator fundamental para o sucesso de uma campanha de vendas, por exemplo, conseguindo atender às necessidades de cada cliente e entregar soluções customizadas.

Alguns pontos fundamentais que precisavam ser atingidos e que, ainda hoje, são dores sensíveis nas mais diversas companhias do mundo: 

  •  Aumentar a eficiência e reduzir erros operacionais;
  •  Personalizar as estratégias;
  •  Armazenar e analisar dados avançados.

Todas as funcionalidades propostas eram fundamentais para acompanhar a evolução do mercado. Atualmente, ainda mais depois de todo o processo de mudanças no mundo dos negócios em decorrência da pandemia da Covid-19, as empresas devem aumentar sua eficiência operacional e reduzir os erros humanos. Ao eliminar tarefas manuais e repetitivas, os colaboradores podem se concentrar em atividades mais estratégicas, promovendo uma maior produtividade e qualidade nos resultados.

Além disso, ter a capacidade de armazenar e analisar dados avançados é crucial, pois essa atividade permitirá uma tomada de decisões mais informadas e baseadas em situações concretas.

Para o empregador, isso representa um avanço na sua gestão e capacidade de atendimento, com serviços que realmente atinjam as dores dos clientes. Já para os colaboradores é uma mudança na condução de projetos, que agora precisam de foco estratégico e na análise do que o público-alvo realmente quer e precisa.

Por fim, não posso deixar de mencionar a redução de custos que essa mudança gera no caixa da empresa. A eliminação de atividades manuais e a otimização dos fluxos de trabalho podem economizar tempo e recursos, maximizando os lucros. Em 2023, eficiência e redução de custos é o que todos os players do mercado desejam, visto que temos um mundo passando ainda por um grave processo inflacionário e altas nas taxas de juros.

Sobre a Astéria

A marca Astéria, possui mais de 18 anos de experiência no setor tecnológico e oferece para o mercado nacional e internacional soluções exclusivas e inovadoras, que utilizam tecnologias modernas e consolidadas para empresas de médio e grande portes. O papel da Astéria é desenvolver ferramentas personalizadas para que os seus clientes automatizem os processos e ganhem tempo em suas tarefas. 

Saiba mais em: https://www.asteria.com.br/.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Compartilhe nas redes sociais e apoie ou retribua

Todos os nossos artigos são exclusivos é proibida a reprodução total ou parcial dos mesmos sem a indicação da fonte SHD: Sejahojediferente.com