Blog Diferente Para Ser Diferente
Blog Diferente Para Ser Diferente, Vem Com a Gente!

Seja Diferente, Junte-se ao Seja Hoje Diferente.



Empreender em 2020 é o seu sonho? Nada melhor do que buscar inspiração em grandes cases de sucesso, então.

Fundada pelo alemão Florian Hagenbuch e pelo húngaro Mate Pencz em agosto de 2018, a startup Loft é a primeira construtech do Brasil a se transformar em um unicórnio.

Os termos parecem complicados? Fique tranquilo: falaremos mais sobre eles abaixo.

Startups e unicórnios: o que são?

Vamos por partes.

De acordo com o site oficial do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), as startups começaram a ficar mais populares a partir da virada do milênio, com o boom da internet.

Em outro momento, utilizávamos o termo para falar sobre o processo de começar em uma empresa e colocá-la no mercado.

Atualmente, no entanto, as startups são um modelo de negócios escalável e repetível, que trabalha em condições de incerteza, muitas vezes em ambiente virtual.

O modelo de negócios está atrelado à forma através da qual a companhia vai gerar dinheiro. O cenário de incerteza, como o próprio nome sugere, ocorre porque não há como afirmar se o projeto da empresa será sustentável ou bem sucedido.

Repetível significa entregar um serviço ou produto em escala realmente significativa, enquanto escalável diz respeito ao crescimento. 

Espera-se que uma startup cresça em receita sem, no entanto, ter os seus custos aumentados de forma impactante.

Chamamos de startups unicórnios as companhias avaliadas em mais de um bilhão de dólares antes de sua abertura de capital em bolsa de valores.

Elas são chamadas de unicórnios porque são raras, quase mitológicas: nesse grupo seleto, estão pouco mais de duzentas empresas, como a Uber, a Airbnb, o Spotify e o Dropbox.

O crescimento exponencial no mercado, bons investimentos - de risco, inclusive - e o alcance de um número gigantesco de usuários estão entre as características dos gigantes.
História de sucesso: a evolução da Loft
Agora que você já sabe o que é uma startup unicórnio, podemos falar sobre o caso-tema deste artigo.

A Loft, como já comentamos, foi fundada na segunda metade de 2018 e começou a operar em São Paulo. 

No início, fazia a compra de apartamentos à vista, reformava-os com o auxílio de empreiteiras parceiras e, então, fazia a revenda: com o imóvel valorizado, o valor da revenda era pelo menos 50% mais alto do que o valor da compra inicial.

Atualmente, a startup permite aos usuários que vendam, troquem - ou seja, utilizem o imóvel existente como forma de pagamento - e comprem apartamentos de forma facilitada, com atendimento de excelência e grande velocidade.

Como a Loft calcula o preço de compra e venda dos imóveis?

A companhia está presente em bairros nobres de São Paulo, como o Jardins, o Itaim Bibi e Higienópolis, e faz cálculos de acordo com localização, metragem e estrutura.

Se o apartamento a ser vendido obedecer aos critérios estabelecidos pela startup, o usuário interessado poderá cadastrá-lo. 

Bastará então aguardar uma visita técnica - nesse caso, uma pessoa da equipe visitará o apartamento, avaliará as suas dependências, área de lazer e garagem e, então, fará a precificação.

Como a Loft virou unicórnio?

Em entrevista à revista Época Negócios, um dos co-fundadores da Loft afirmou que a estratégia de empresa era estabelecer a marca em uma região e, então, demonstrar que o modelo funcionava mesmo em um mercado de grande complexidade, como o setor imobiliário.

A transformação em unicórnio veio no início de 2020, após uma rodada de investimentos liderada pelos fundos americanos Vulcan Capital e Andreesen Horowitz. 

Nela, a Loft levantou 175 milhões de dólares - o suficiente para colocá-la no seleto grupo de startups com mais de um bilhão em valor de mercado. 

O dinheiro conquistado será utilizado para expansão expansão geográfica e de produtos.

Ainda em 2020, a companhia quer começar a atuar em duas cidades de grande porte: o Rio de Janeiro e a Cidade do México. 

No que tange a parte de produtos, a próxima aposta de Loft são os produtos financeiros, como o financiamento imobiliário e aquilo que chamamos de home equity, uma modalidade de empréstimo que também é conhecida como crédito com imóvel de garantia.

Esse modelo de empréstimo é bastante comum no exterior, em especial nos Estados Unidos, mas ainda é novo por aqui.

Por fim, vale dizer também que a Loft tem um marketplace que permite a empresas financeiras de grande porte, como a Cyrela ou o Itaú - que já são parceiros -, ofertar os seus produtos. Seguros, serviços de arquitetura e decoração e afins também são vendidos por lá.
Postagem Anterior Próxima Postagem
 Juntos Somos Mais Fortes, Unidos Somos Melhores e Que Seja Hoje Diferente
Novos Artigos

GeraLinks - Agregador de links