Blog Diferente Para Ser Diferente
Blog Diferente Para Ser Diferente

Imagem Divulgação Reprodução Internet

Pesquisadores acreditam que extinção da espécie foi ocasionada pela chegada de seres humanos à ilha remota e por episódios climáticos extremo

Os últimos mamutes-lanoso viveram na ilha de Wrangel, no Oceano Ártico, até entrarem em extinção há 4 mil anos. Essa é a conclusão da pesquisa publicada por uma equipe cientistas da Universidade de Helsinque, na Finlândia, da Universidade de Tübingen, na Alemanha e da Academia Russa de Ciênciasna e publicada na última edição da revista Quaternary Science Reviews.

As informações são do Tecnologia e Ciência do R7 confira

Os estudiosos reconstruíram, a partir de evidências, o cenário que poderia ter levado à morte os últimos mamutes do planeta Terra. Os pesquisadores acreditam que um dos fatores que levou à extinção desses animais foi a chegada dos seres humanos à ilha remota, além de um habitat isolado e de episódios climáticos extremos.

Durante a Idade do Gelo, cerca de 100 mil a 15 mil anos atrás, os mamutes se espalharam no hemisfério norte, da Espanha ao Alasca. Devido ao aquecimento global, que começou há 15 mil anos, o habitat no norte da Sibéria e no Alasca reduziu.

Na Ilha de Wrangel, alguns mamutes foram isolados do continente devido à elevação do nível do mar, e essa população sobreviveu mais 7 mil anos.

"É fácil imaginar que a população, talvez já enfraquecida pela deterioração genética e problemas de qualidade da água potável, poderia ter sucumbido após algo como um evento climático extremo", diz o professor Hervé Bocherens, do Centro Senckenberg de Evolução Humana e Meio Ambiente da Universidade de Tübingen, coautor do estudo.

A chance de encontrar que seres humanos caçavam os mamutes na Ilha de Wrangel é bem pequena. Mas não pode ser descartado a ideia de que houve uma contribuição humana para a extinção desses mamíferos.

Comente este artigo

O você achou desta publicação? Qual sua opinião a respeito?
Gostaria de acrescentar algo? Use o campo abaixo e registre sua participação nesta publicação.
Sugerimos Usar a Opção Nome + URL = Escreva seu nome e no campo url coloque o link de seu blog, site, rede social ou deixe em branco.
Estamos aguardo sua participação.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Lembre-se todas palavras ou frases na cor laranja são links especiais relacionados ao assunto do artigo ou da palavra, não deixe de clicar neles.

GeraLinks - Agregador de links | Agregador de conteúdo TrendsTops