23.1.19

Por que os labradores são tão queridos? Saiba mais sobre essa raça que conquistou nossos corações

Imagem divulgação

Para os amantes de cachorro, não existe a distinção entre uma raça e outra. Mas existem determinadas raças que amolecem o coração de qualquer um. O labrador é uma delas!

Esses cães tiveram origem no Canadá, na cidade de Terra Nova. Porém, na época o surgimento da raça, os impostos para a sua criação eram tão altos que ela acabou desaparecendo do país. É suposto que o nome venha da cidade chamada Labrador, também no Canadá. Mas, na verdade, a nomenclatura da raça vem do espanhol e significa caçador.

Mas, felizmente, um lorde inglês conhecido como Conde Malmsbury, importou diversos labradores para a Inglaterra. Isso aconteceu no começo do século  XIX e definiu toda a linhagem desde então.

Com o passar dos anos, eles foram se misturando com outras raças, porém suas características foram dominantes. Isso criou a raça que conhecemos hoje e também influenciou no comportamento e  personalidade do labrador.

O que saber sobre ter um labrador como companheiro


  • O labrador tem um instinto de caçador nato. Como eles eram usados até mesmo para auxiliar pescadores, eles desenvolveram uma certa destreza com a caça, tornando-os ótimos cães para policiais, por exemplo;

  • É uma raça com um faro além do comum. São capazes de farejar embaixo de escombros de uma tragédia;

  • São amantes de água. Sempre que avistarem uma brincadeira que envolva mangueira ou piscina,  entrarão no meio para brincar;

  • Labradores tem um temperamento ótimo. Conseguem ser sociáveis com outros tipos de cães sem serem violentos. E também é a melhor raça para se ter com uma criança em casa;

  • São perfeitos para auxiliar deficientes visuais, pois conseguem ser treinados com mais facilidade;

  • Ser treinado pode ajudar o Labrador a não ser tão espaçoso como é de seu instinto e também a ter a disciplina e não se tornar tão destruidor;

  • O labrador é a 9ª raça mais popular no Brasil;

  • É uma raça que precisa de exercício constante para não ter sobrepeso e afetar sua saúde;

  • Eles latem somente quando necessário, ou seja, para se comunicar. Quando um cão dessa raça latir, ele provavelmente encontrou algo ou sentiu algum perigo;

  • É uma raça que pode se tornar um pouco destruidora se deixado muito sozinho. Eles se entediam muito rápido e precisam gastar sua energia de alguma forma. Assim, seus móveis podem sofrer alguns danos nos primeiros meses,

  • Os preços para ter um amigo labrador variam entre R$400 e R$2.000. Isso devido a sua popularidade no país.

Características importantes dos labradores


O labrador pode ser encontrado nas cores preta, amarelo e chocolate. Dentro de cada uma delas, com exceção do preto, as tonalidades podem variar. O amarelo pode chegar até um alaranjado como uma raposa.

A expectativa de vida da raça é de 13 anos na idade humana, isso em condições saudáveis. 
Os labradores requerem alguns cuidados especiais com a saúde. Principalmente no quadril nos cotovelos e nos olhos. Mas nada fora do comum.

A mais comum nos joelhos e quadris é a displasia, doença que danifica a circulação nessas áreas. Porém se não cuidada pode deixar o labrador perto de uma artrite.

Cuidados na dieta do seu companheiro também são de extrema importância. Por ser uma raça que pode desenvolver sobrepeso com facilidade, além de exercícios diários é preciso ter uma alimentação equilibrada.

Pequenas rotinas de higiene como escovação do pelo, limpeza das orelhas e aparo das unhas evitam que seu cãozinho corra riscos de desenvolver algo.

E mesmo assim, o banho propriamente dito pode ser dado a cada dois meses. Isso se o seu amiguinho não encontrar uma forma de se sujar muito dentro desse intervalo. E ele provavelmente vai.

Apesar de requerer uma atenção diferenciada, os labradores irão retribuir essa atenção para os tutores. A personalidade do labrador é dócil e protetora, fazendo dele o companheiro perfeito para se ter por perto.  

Sucesso, Saúde, Proteção e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário