22.1.19

Aprenda de Forma Fácil as Regras de Nomenclatura dos Sais

As matérias exatas sempre são uma grande preocupação na hora de prestar vestibular. Muitas pessoas procuram ajuda para entender um pouco mais sobre elas, sendo uma das alternativas o cursinho on-line. Mas se a sua dúvida for em química, sobre a nomenclatura dos sais, nós vamos ajudar você!

Os sais são compostos iônicos formados entre um íon positivo de uma base e um íon negativo de um ácido. Eles se formam quando o ácido e a base reagem e se neutralizam. Muitos sais são comumente encontrados e usados ​​em casa. Conheça as regras de nomenclatura dos sais!
Todos os sais são compostos iônicos, mas nem eles são sais. São considerados, apenas as composições que podem ser formadas a partir de uma reação de neutralização ácido-base.

Nomenclatura dos Sais (Compostos Iônicos)

Em resumo, os sais são compostos iônicos que, quando dissolvidos em água, se quebram completamente em íons.
Além disso, os sais são nomeados simplesmente dando os nomes dos íons positivos e negativos.
Então lembre-se que na fórmula de um sal (M a X b ):
        a fórmula (sem carga) do cátion é escrita primeiro
        a fórmula (sem carga) do ânion é escrita por último
A fórmula do sal (M a X b ) é composta de dois íons:
        cátions (M)
        ânions (X)
A fórmula do sal (M a X b ) nos diz o número de íons presentes:
        número de cátions (M) = a
        número de ânions (X) = b
Dessa forma, lembre-se também que:
        Se acaso houver apenas 1 cátion presente a fórmula seria MX b
        Se apenas 1 ânion estiver presente a fórmula seria M a X
        Se acaso houver apenas 1 cátion e 1 ânion presente a fórmula seria MX
        Se mais de um cátion  estiver presente na fórmula do sal, então a fórmula do cátion poliatômico é incluída entre parênteses (M): (M) (a) X b
        Se mais de um ânion poliatômico estiver presente na fórmula, então a fórmula do ânion poliatômico estará entre parênteses (X): M (a) (X) b
        Se a fórmula do sal é composta de mais de um cátion e mais de um ânion, então a fórmula seria (M) a (X) b
        Um sal não tem carga total, isto significa que a carga positiva total de todos os cátions presentes na fórmula do sal é exatamente balanceada pela carga negativa total devida a todos os ânions presentes na fórmula do sal.
Podemos usar essas informações na fórmula de um sal (M a X b ) para nos ajudar a nomear esse sal, conforme mostrado nas etapas abaixo:

Etapa 1: Quebre a fórmula do sal em duas partes:

cátion (primeira parte da fórmula)
anion (última parte da fórmula)

NaCl
Na | Cl
NH 4 F
NH 4 | F
MgCO 3
Mg | CO 3
Fe 2 (HPO 4 ) 3
Fe 2 | (HPO 4 ) 3

Etapa 2: Determine os íons

Determine os íons e suas cargas em cada metade. Certamente esta será a parte complicada na nomenclatura dos sais. Então aqui estão 7 regras úteis:


        Regra 1: Metais do Grupo 1 (Li - Fr) são todos 1+
        Regra 2: Metais do Grupo 2 (Be - Ra) são todos 2+
        Regra 3: Alumínio é 3+; O amônio é 1+
        Regra 4: Todos os outros metais requerem um numeral romano
        Regra 5: Grupo 7 de não-metais (F-I) são todos 1–
        Regra 6: Grupo 6 (O-Te) são geralmente 2–
        Regra 7: A carga geral deve ser 0
Por exemplo:
NaCl
Na | Cl
Na + | Cl -
NH 4 F
NH 4 | F
NH + | F -
MgCO 3
Mg | CO 3
Mg 2+ | CO 2–
Fe 2 (HPO 4 ) 3
Fe 2 | (HPO 4 ) 3
Fe 3+ | HPO 2–

Etapa 3: Nomeie os íons

Então nomeie esses íons:
NaCl
Na + | Cl -
cloreto de sódio
NH 4 F
NH + | F -
fluoreto de amônio
MgCO 3
Mg 2+ | CO 2–
carbonato de magnésio
Fe 2 (HPO 4 ) 3
Fe 3+ | HPO 2–
hidrogenofosfato de ferro (III)

Esses íons, a propósito, são chamados de espécies principais em solução para o sal. Descobrir as espécies principais em solução apenas dessa maneira chega a ser REALMENTE importante quando se estuda o equilíbrio.

Dicas para úteis para nomenclatura dos sais

Mais algumas dicas podem ser úteis:
  Primordialmente não há como memorizar nomes de elementos. Apenas faça.

  Surpreendentemente, a regra 7 é muito mais valiosa do que a maioria dos iniciantes percebe.

  A maioria dos cátions e ânions pode se combinar para formar compostos neutros (tipicamente sólidos sob condições normais) que são geralmente referidos como sais.

  A carga líquida de um composto iônico deve ser zero. Portanto, o número de cátions e ânions em um composto iônico deve ser balanceado para formar uma molécula eletricamente neutra.

 Se acaso um elemento metálico tiver cátions de cargas diferentes, o cátion utilizado deverá ser indicado pelo sufixo  ou por algarismos romanos entre parênteses após o seu nome por escrito
Em resumo, memorize os nomes e símbolos de elementos mais comuns, memorize as sete regras, tenha uma tabela periódica à mão, aprenda muitos nomes e fórmulas e pratique!


VOCÊ CONSEGUE!
Sucesso, Saúde, Proteção e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário