1.10.18

Música em Vinil é melhor? Motivos para ouvir música de disco de vinil.

Saudaçõe amados

Ontem dia 30 de setembro publiquei no SHD o artigo “Coloque Música em Sua Vida” onde agreguei uma foto da minha replica de vitrola e uma pequena playlist demonstrativa do meu aparelho de som 3 em 1 da CCE Vintage fabricado em 1976 ano em que nasci e, pequena demonstração da replica de vitrola. Caso não tenha visto este artigo deixarei ao final deste o link para você dar uma olhada caso queira.

A questão é que muitos amigos visitantes do blogue Seja Hoje Diferente e das mídias e redes sociais agregadas ao blogue não sabiam que eu gostava de disco de vinil e muito menos de possuir uma pequena e humilde coleção de discos e dois aparelhos toca-disco o que ocasionou uma chuva de perguntas e boa conversa através do Whatsapp.

Dezenas de perguntas na qual respondi e prometi a todos um artigo sobre os discos de vinil, os motivos para ouvir música em disco de vinil e se música de vinil é melhor. Também sobre o retorno dos discos de vinil no mercado e tal.
Sobre o retorno ou a volta dos discos de vinil irei agregar neste artigo um vídeo na qual tem quase tudo o que quero dizer a você sobre a grande volta dos discos de vinil no Brasil.

Eu, particularmente sou apaixonado por disco de vinil ou melhor como já mencionado antes em diversos artigos aqui no blog, velharia é comigo mesmo, sou uma pessoa bem nostálgica e a nostalgia faz parte da minha vida.

Eu tenho a minha humilde coleção de disco de vinil porque amo, e sou apaixonado em ouvir música em disco de vinil, talvez seja porque foi assim na minha infância e principalmente na minha adolescência.

Os discos de vinil que possuo ou foram presentes de amigos ou foram comprados em SEBOS, feiras de discos, etc. Então não tenho aquela coleção que vale dinheiro, nem LPS que custam em torno de 300 reais. Ou seja, o que tenho para esse publico de colecionadores e amantes de disco de vinil é considerado com tralha sem valor isso para eles, porque para mim tem um valor imenso, não nego que tenho uns menos que 10 unidades que se enquadram nesse publico mais vieram em minhas mãos por sorte e presenteados por amigos que possuem um poder aquisitivo muito bom. 

Existe aquele que como eu, pessoa simples que continua com seu aparelho toca-disco e de vez enquando participa de uma feira ou visita algum SEBO ou locais de venda de disco de vinil a preço populares usados e muitas vezes com faixas riscadas, etc. 

Existe aquele que tem um poder aquisitivo melhor e apaixonado por discos de vinil continua atualizando suas coleções comprando discos importados já que fora do Brasil lá sim eles nunca pararam, diminuíram mas não pararam.

Existe aquele que tem um toca disco, alguns discos de vinil mas é mesmo por ter mais para ostentar-se dizendo que tem, que é culto, que ama, e bla bla, mas no fundo não existe paixão nenhuma o único prazer é de ostentar que tem. 



Estamos na era da música digital e é bem provável que você que está lendo este texto nem se lembre exatamente da última vez em que comprou música. Serviços como YouTube e Grooveshark e álbuns compartilhados em sites de hospedagens ou programas P2P garantem acesso a uma biblioteca musical quase infinita e gratuita.

Podemos citar serviços de transmissão de música que cobram mensalidade por isso, como Deezer e Spotify, que também concorrem com a venda tradicional de músicas (tanto em mídia física quanto em formato digital). Então, a discussão acaba caindo para a questão da qualidade de áudio oferecida em cada um desses métodos.

Serviços de streaming têm um certo compromisso em oferecer áudio de alta qualidade, mas nem sempre isso acontece quando você escolhe baixar um álbum de modo “não oficial” ou escutá-lo no YouTube — mas convenhamos que não é todo mundo que se importa com isso de fato.


Há uma enorme diferença entre ouvir um MP3 e ouvir um disco de vinil.


As texturas de cada som tornam-se mais fáceis de se compreender e desconstruir quando você está escutando-o sobre este material que foi feito para a música.

A diferença entre qualquer outro tipo de formato é surpreendente. Mesmo quando ainda há pessoas que estão convencidas de que o vinil é uma forma de arte morrendo, a verdade é que essa tradição está longe de desaparecer. 

Só está ficando mais forte com o passar dos anos e as pessoas aprendem a apreciá-lo mais. 

Os discos de vinil são uma tradição que será transmitida para as gerações vindouras, mesmo quando novos formatos de música continuam a ser desenvolvidos. 


Ouvir música é diferente de escutar música



Um dos motivos que mais ouço os amantes de vinil (antigos e atuais) para justificarem sua preferência pela clássica “bolachona preta” é o fato de que, com ele, você pode realmente apreciar a música. 

A falta de portabilidade dessa mídia exige que você pare na frente do aparelho de som e não faça mais nada além de ouvir de verdade o álbum – aproveita também para apreciar outros aspectos dessa experiência como contemplar a capa do discão, os encartes, acompanhar as letras que vem dentro… 

Em suma, “degustar” a música de um jeito que, hoje em dia, não parece ser possível.

Com a praticidade do CD e, logo depois, do MP3 e do streaming, parece que música virou apenas “trilha sonora de fundo” para os afazeres. 

As pessoas “ouvem” música apenas em seus fones de ouvido, quando estão em trânsito, na academia, trabalhando em frente ao computador… Estamos sempre fazendo algo enquanto o som nos embala durante nossas tarefas.

A portabilidade da música pode, sim, ter gerado esse costume em todos nós, mas isso é um reflexo de um cotidiano atarefado do ser humano moderno, e não da mudança de mídia. 

O som digital atendeu à uma vontade dessas pessoas de encaixar o ato de ouvir música em um processo de “dinamização de tempo”, já que não há mais horas hábeis no dia útil para se dedicar ao prazer de degustar um álbum, e não o contrário.

Os amantes de música (aqueles que REALMENTE curtem ouvir música com atenção e dedicação) encontraram naquela antiga prática que tinham quando crianças ou, no caso dos mais jovens, que ouviram seus pais contando sobre como era que eles curtiam seus bons e velhos LPs, uma forma de forçarem-se a resgatar esse prazer.


De geração para Geração: Disco de Vinil


Amados como mencionei acima para os que não me conhece sou pessoa simples, humilde então por favor não reparem nas coisas materiais no vídeo a seguir mas sim no sentido de capitar a mensagem.

Os discos de vinil marcaram a minha infância e adolescência era o que existia na época, minhas duas filhas a Brenda Christine hoje com 15 anos e a Myleninha com quase 7 anos, conhecem algumas velharias já que sempre fiz questão de mostrar para elas de alguma forma o presente e o passado.

Sem delongas vamos ao vídeo de Geração para Geração.




Motivos para ouvir música de vinil

1- Você vai descobrir músicas novas: Durante o garimpo, e na compra de novos discos, você sempre descobre um novo artista, um disco que nunca ouviu falar, algo inusitado. A chance de ser um álbum maravilhoso é alta.

2- Você acaba se tornando mais exigente! Com o tempo e o trabalho dedicado a encontrar um bom disco e o cuidado para colocá-lo pra tocar irá exigir de você mais concentração. Você vai passar a ouvir coisas que realmente está interessado, sem perder tempo com aquilo que não te agrada.

3- Você vai compreender melhor a música. Como o LP exige que você esteja em um lugar mais tranquilo, e não dirigindo ou correndo, praticando esportes, você passará a compreender melhor a música, absorvendo todas as informações que ela possa ter.

4- O som do Vinil é muito melhor! Nada supera essa qualidade. Só o Vinil tem esse som rico, quente, que marca presença!

5- É muito mais divertido e interessante comprar um Vinil. Lojas de discos são lugares incríveis. Lá é possível socializar, conhecer histórias, trocar experiências.

6- Comprar Vinil é fazer um investimento! As outras mídias são de fácil reprodução e perderam o seu valor comercial. Vários vinis se tornaram raros, e produtos de muito valor.

7- As capas dos discos são verdadeiras obras de arte! Ao comprar um Vinil, você também tem a oportunidade de explorar a arte das capas, as músicas e as diagramações especiais dos encartes. Todas as capas de discos de Vinil possuem alguma história e muito trabalho dedicado!

Assim espero ter ajudado, tirado algumas dúvidas e ter cumprido a minha palavra sobre o artigo de músicas em disco de vinil. 
Para quem quiser dar uma lida no artigo anterior:

Coloque Música em sua Vida – Clique Aqui

Deixe seu comentário no campo abaixo será um prazer responder e deixo o convite para participar da lista de transmissão no whatsapp da uma olhada clicando aqui.

Um forte abraço

Sucesso, Saúde, Proteção e Paz!



8 comentários:

  1. Camila Silasoutubro 01, 2018

    Massa Alê amei, aqui em casa também temos alguns discos mais infelizmente o toca disco esta sem agulha, meu pai deve ir para São Paulo em breve ai no centro deve encontrar mais facilmente.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Camila muito obrigado por sua visita e participação. Cuide bem do seus discos e aparelho, pesquise na internet pelo modelo você encontra agulha em lojas virtuais e, mercado livre amada.

      Excluir
  2. Reginaldo Lopesoutubro 01, 2018

    Clássico estes disquinhos chamei meus filhos e esposa para ver, cada dia seu blog nos surpreende Alessandro Parabéns, aqui navego tranquilamente com minha esposa, filho e filha. Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Reginaldo esse é o objetivo do Seja Hoje Diferente, ganhei o dia com seu comentário muito obrigado e sejam sempre bem vindos. É estou em falta com as crianças mas em breve teremos novas atualizações para ela. Um forte abraço.

      Excluir
  3. Rafel Dias do Santosoutubro 01, 2018

    É isso ai meu amigo muito bom estou gostando de vê ainda bem que você decidiu adotar no blog artigos nostalgicos assim nós amigos de quase ou mesma idade podemos recordar, dialogar e matar saudade. Você recebeu minha confirmação para lista de transmissão Turci?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Rafael, sim recebi sua confirmação você já esta na lista de transmissão, ontem e hoje não lancei nada na lista estou aguardando algumas confirmações. Muito obrigado por sua visita e participação abraços.

      Excluir
  4. Rodrigo Paivaoutubro 01, 2018

    Turci conforme conversamos ontem pelo whatsapp, parabéns pelo artigo bem que você comentou que falaria a respeito, cuida bem da sua coleção para ficar para as meninas, seja ela simples ou não rapaz e não se preocupe com sua simplicidade meu amigo, você é um cara amigo que não tem riqueza que compre isso. Abs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa Rodrigo muito obrigado pelo carinho e consideração. Amado a vida é um espelho se você ve isso em mim é reflexo seu. Um forte abraço.

      Excluir

Veja também: